Topo

Seu Automóvel

Tudo sobre o Volkswagen Virtus

Murilo Góes/UOL
Volkswagen Virtus Highline 200 TSI automático Imagem: Murilo Góes/UOL

Do UOL, em São Paulo (SP)

06/02/2018 18h14

Sedã chega para ser referência no segmento compacto premium

O Volkswagen Virtus, sedã derivado da sexta geração do Polo, chegou ao Brasil em janeiro de 2018 para chacoalhar o mercado de três-volumes compacto.

Modelo aposta no uso de tecnologia de carros maiores, incluindo a moderna plataforma modular MQB A0, carroceria reforçada com aços de alta e ultra alta resistência, quatro airbags de série em todas as versões, motorização turbo de 128 cv e 20,4 kgfm, e quadro de instrumentos 100% digital como opcional da versão de topo, Highline 200 TSI.

Também prima por espaço interno generoso, proporcionado pelos 2,65 metros de entre-eixos e 521 litros de volume do porta-malas, e por um estilo "classudo", fruto do terceiro volume alto, com caimento de teto fluido e traços horizontais que remetem a modelos de Audi, Kia e Ford.

Veja tudo que já publicamos sobre ele:

Links úteis

+ Virtus quer ser líder a partir de R$ 59.990; veja preços e versões
+ Avaliação: veja como anda a versão de topo, Highline 200 TSI
+ Álbum mostra como é o sedã completo em equipamentos
+ Virtus tem "teto" de R$ 87 mil; veja o que leitores acharam dele
+ Virtus vs. rivais: guia mostra os predicados de cada concorrente 
+ Com "meio teste", Virtus repete nota máxima em segurança do Polo
+ Virtus ou Cronos? Veja qual tem a melhor proposta para você

Veja mais

Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
UOL Carros no Twitter
Canal de UOL Carros no Youtube
Siga também UOL Carros no Instagram

Mais Seu Automóvel