Topo

Testes e lançamentos

Toyota Yaris ou os rivais: qual o melhor compacto de R$ 60 mil a R$ 80 mil?

Murilo Góes/UOL
Toyota espera vender cerca de 6 mil unidades do seu novo compacto Imagem: Murilo Góes/UOL

Do UOL, em São Paulo (SP)

09/06/2018 08h00

Fabricante frisa que carro vai brigar no segmento "premium"; nós elencamos prós e contras dele e dos rivais

Sem qualquer dúvida, o Toyota Yaris é o lançamento mais importante do Toyota do Brasil nos últimos anos. Desde 2012 a marca tenta emplacar o Etios no mercado de carros compactos, o principal do país, sem muito sucesso -- fruto das próprias limitações do projeto, que evoluiu, mas não o bastante. Com o Yaris, que traz a mesma motorização do Etios, mas câmbio e outras melhorias herdadas do Corolla, tudo pode mudar.

Entregas começam no próximo dia 21, o carro começa a ser produzido no próximo dia 15 na mesma fábrica do Etios (Sorocaba/SP), mas as encomendas já podem ser feitas. Com proposta "premium" divulgada a plenos pulmões pela Toyota, o modelo terá preços entre R$ 59.590 e R$ 79.990. 

Serão cinco versões da configuração hatch e cinco da configuração sedã, sendo que UOL Carros experimentou rapidamente o Yaris Sedan XLS 1.5 CVT, o mais caro e equipado (justamente no topo de R$ 79.990). As impressões e mais detalhes podem ser vistos aqui.

Fica então a questão: se a Toyota faz questão de posicionar o modelo como "premium" e elencar os melhores do nicho como rivais, qual é a melhor escolha? A gente elenca os prós e contras de cada um para você! Confira abaixo: 

Veja mais

+ GM faz recall de 541 mil Onix, Prisma, Spin e Cobalt 
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Como é o Toyota Yaris

Divulgação
Imagem: Divulgação

+ Preços: R$ 59.590 a R$ 79.990.
+ Motorização: só no hatch de entrada -- 1.3 flex, quatro cilindros, duplo comando de válvulas, 94/101 cv, 12,5/12,9 kgfm de torque (gasolina/etanol); a partir do hatch XS e em todos os sedãs -- 1.5 flex, quatro cilindros, duplo comando de válvulas, 105/110 cv, 14,3/14,9 kgfm (gasolina/etanol). Câmbio: manual de seis marchas nas versões XL de hatch e sedã, CVT Multidrive do Corolla (sete marchas virtuais) nas demais versões.
+ Entre-eixos: 2,55 metros (hatch e sedã).
+ Porta-malas: hatch, 310 litros; sedã, 473 litros.
+ Pontos fortes: visual arrojado; bom espaço para pernas; boa dirigibilidade; itens de segurança; acabamento correto; posição de dirigir acertada; garantia total de três anos até para acessórios.
+ Pontos fracos: poderia haver maior oferta de torque em alguma versão; câmbio CVT vai bem na cidade, mas falta ação mais arrojada para estrada; espaço para cabeça no banco traseiro do sedã é pior do que no hatch; preço poderia ser mais em conta.

Rival 1: Fiat Argo/Cronos

Marcelo Ferraz/UOL
Imagem: Marcelo Ferraz/UOL

+ Preços: Argos -- R$ 44.490 a R$ 71.390; Cronos -- R$ 54.990 a R$ 69.990.
+ Motorização: 1.0 3-cilindros, 72/77 cv de potência e 10,4/10,9 kgfm (gasolina/etanol), câmbio manual de cinco marchas; 1.3 4-cilindros, 101/109 cv e 13,7/14,2 kgfm (com gasolina/etanol), manual ou automatizado de cinco marchas; 1.8 de 135/139 cv e 18,8/19,3 kgfm (com gasolina/etanol), manual de cinco ou automático de seis marchas.
+ Entre-eixos: 2,52 metros (hatch e sedã).
+ Porta-malas: hatch, 300 litros; sedã, 524 litros.
+ Pontos fortes: visual atraente; configuração 1.8 potente; câmbio automático muito bem calibrado; ótima dirigibilidade; itens de segurança; acabamento; volume do porta-malas.
+ Pontos fracos: consumo da configuração 1.8; câmbio automatizado da configuração 1.3; espaço não tão bom para pernas e ombros; preços; excesso de opcionais.

Rival 2: Hyundai HB20 1.6

Murilo Góes/UOL
Imagem: Murilo Góes/UOL

+ Preços: HB20 -- R$ 54.550 (Comfort Plus manual 18/19) a R$ 68.390 (Premium com couro 6AT 18/19) ; HB20X -- R$ 63.100 (Style bluMedia manual 18/19) a R$ 71.700 (Premium 6AT 18/19); HB20S -- R$ 60.150 (Comfort Plus manual 18/19) a R$ 72.290 (Premium com couro 6AT 18/19).
+ Motor: 1.6 4-cilindros aspirado de 122/128 cv e 16/16,5 kgfm (gasolina/etanol), câmbio manual de cinco ou automático de seis marchas).
+ Entre-eixos: 2,50 metros.
+ Porta-malas: hatch, 300 litros; sedã, 450 litros.
+ Pontos fortes: visual; potência; direção precisa, apesar de hidráulica; transmissão automática bem calibrada; conforto; acabamento.
+ Pontos fracos: consumo da configuração 1.6; ergonomia; ausência de controle de estabilidade; espaço tanto da cabine quanto do bagageiro.

Rival 3: Renault Sandero/Logan 1.6

Divulgação
Imagem: Divulgação

+ Preços: Sandero -- R$ 52.900 a R$ 57.750; Logan -- R$ 52.900 a R$ 64.950.
+ Motor: 1.6 4-cilindros aspirado de 115/118 cv e 15,9 kgfm (gasolina/etanol), câmbio manual (hatch e sedã) ou automatizado de cinco marchas (só o sedã Logan).
+ Entre-eixos: Sandero, 2,59 m; Logan, 2,63 metros.
+ Porta-malas: Sandero, 320 litros; Logan, 510 litros.
+ Pontos fortes: motor modernizado e mais econômico; câmbio manual mais preciso; espaço da cabine e do bagageiro; sistema de conectividade fácil de mexer.
+ Pontos fracos: direção eletro-hidráulica rígida e imprecisa; ausência de controle de estabilidade nas versões manuais; ausência de outros itens de segurança; câmbio automatizado; vai mudar em breve.

Rival 4: Nissan Versa 1.6

Divulgação
Imagem: Divulgação

+ Preços: R$ 53.990 a R$ 68.640.
+ Motores: 1.6 4-cilindros aspirado de 111 cv e 15,1 kgfm (câmbio manual de cinco marchas ou automático CVT).
+ Entre-eixos: 2,60 metros.
+ Porta-malas: 460 litros.
+ Pontos fortes: preços mais acessíveis; espaço na cabine; motor bem casado com a transmissão CVT; direção elétrica boa para manobras.
+ Pontos fracos: segurança (projeto antigo e sem controle de estabilidade); volume do porta-malas não tão bom assim; consumo; acabamento; visual controverso; o hatch March nem é citado por ter um ponto abaixo em nível geral, deixando a linha desguarnecida.

Rival 5: Chevrolet Cobalt

Murilo Góes/UOL
Imagem: Murilo Góes/UOL

+ Preços: R$ 66.990 a R$ 74.350.
+ Motores: 1.8 4-cilindros aspirado de 111/106 cv e 17,7/16,8 kgfm (câmbio manual de cinco marchas ou automático de seis marchas).
+ Entre-eixos: 2,62 metros.
+ Porta-malas: 563 litros.
+ Pontos fortes: bom espaço interno no banco de trás; maior porta-malas da categoria; lista generosa de itens de série; visual acertado após facelift.
+ Pontos fracos: segurança (projeto antigo e que não dispõe de controle de estabilidade); ergonomia; acabamento simples demais; motor antigo e inelástico; desguarnecido na briga sem a versão hatch.

Rival 6: Honda Fit/City

Murilo Góes/UOL
Imagem: Murilo Góes/UOL

+ Preços: Fit -- R$ 59.300 a R$ 81.700; City -- R$ 60.900 a R$ 83.400
+ Motores: 1.5 4-cilindros aspirado de 115/116 cv e 15,2/15,3 kgfm (gasolina/etanol), câmbio manual de cinco marchas ou CVT.
+ Entre-eixos: Fit, 2,53 m; City, 2,60 m.
+ Porta-malas: Fit, 363 litros; City, 536 litros.
+ Pontos fortes: porta-malas amplo nas duas categorias; bom padrão de segurança (sete airbags); espaço interno; bom casamento do motor com câmbio CVT; valorização na revenda.
+ Pontos fracos: faixa de preços elevada; ausência de conectividade; ausência de controle de estabilidade no City; nível de ruído elevado.

Rival 7: Ford New Fiesta

Murilo Góes/UOL
Imagem: Murilo Góes/UOL

+ Preços: Hatch -- R$ 56.690 a R$ 75.190; Sedan -- R$ 67.260 a R$ 81.760.
+ Motores: 1.6 4-cilindros aspirado de 125/128 cv e 15,8/16 kgfm (gasolina/etanol); câmbio manual de cinco marchas ou automatizado de dupla embreagem e seis marchas.
+ Entre-eixos: 2,49 metros (ambos).
+ Porta-malas: hatch, 261 litros; sedã, 465 litros.
+ Pontos fortes: segurança (controle de estabilidade em todas as versões e sete airbags na Titanium); boa lista de itens de série; conectividade.
+ Pontos fracos: projeto antigo e praticamente "desaparecido" do mercado; espaço acanhado na cabine e porta-malas; faixa de preços elevada.

Rival 8: Volkswagen Polo/Virtus

Murilo Góes/UOL
Imagem: Murilo Góes/UOL

+ Preços: hatch  -- R$ 56.090 (1.6 MSI) a R$ 71.760 (1.0 TSI Highline); sedã -- R$ 59.990 (1.6 MSI) a R$ 71.760 (1.0 TSI Turbo Highline).
+ Motores: 1.6 4-cilindros aspirado de 110/117 cv e 15,8/16,5 kgfm (gasolina/etanol), câmbio manual de cinco marchas; 1.0 3-cilindros turbo de 115/128 cv e 20,4 kgfm (gasolina/etanol) e câmbio automático de seis marchas.
+ Entre-eixos: Polo, 2,56 m; Virtus, 2,65 m.
+ Porta-malas: Polo, 300 litros; Virtus, 521 litros.
+ Pontos fortes: motorização moderna; desempenho; consumo; câmbios bem regulados; dirigibilidade; espaço de cabine e bagageiro; segurança (nota máxima no Latin NCAP); "Destaque do Ano" no Prêmio UOL Carros 2017 para o Polo
+ Pontos fracos: faixa de preços acima da média; acabamento simples demais; lista de equipamentos enxuta nas versões mais básicas; excesso de opcionais, que eleva, preços finais do Virtus, por exemplo, acima dos R$ 80 mil.

Mais Testes e lançamentos