Topo

Testes e lançamentos

Após fim do Palio, Fiat vai simplificar Uno para abrir espaço ao Argo

Murilo Góes/UOL
Fiat Uno Way 1.3 com câmbio automatizado GSR deve passar a ser a versão mais cara, na faixa de R$ 55 mil Imagem: Murilo Góes/UOL

Fernando Miragaya

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

25/02/2018 04h00

Gama do agora hatch mais veterano da marca deve ficar mais enxuta nos próximos meses

Não ficará só no lançamento do Cronos, no reposicionamento do Grand Siena e na aposentadoria do Palio. A Fiat continuará promovendo mudanças significativas no posicionamento de seus compactos a fim de recuperar pelo menos parte do mercado perdido nos últimos anos.

Falando especificamente dos hatches, a missão da vez é reduzir ao máximo o conflito de relações entre os três sobreviventes da marca -- Mobi, Uno e Argo --, adotando uma política mais clara de preços.

Veja mais

Primeiro carro, primeiro beijo: as histórias do Palio
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Veja como a concorrência interna é forte: ao chegar com R$ 55 mil na concessionária o consumidor pode escolher entre um Mobi 1.0 automatizado "completinho", um Uno Way 1.3 GSR ou um Argo 1.3 Drive manual. E, como já diriam os especialistas em cardápio de restaurante, opções em demasia podem mais atrapalhar que ajudar.

No caso específico do Uno, quase todas as suas versões conflitam com alguma versão do Argo, já que ambos convivem juntos numa faixa de R$ 47.790 (baso do Argo) até R$ 63.430 (teto do Uno). É por isso que será ele o próximo alvo de mexidas.

“Vamos fazer uma avaliação do posicionamento do Uno. Em breve teremos novidades quanto a uma faixa de preços mais apropriada para o modelo. Temos versões, com volumes pequenos, é verdade, que ficam em cima da faixa de preço do Argo. Isso não faz sentido”, reconhece Herlander Zola, diretor de marketing da Fiat na América do Sul.

Partindo atualmente de R$ 39.990, o hatch altinho não deve passar muito dos R$ 55.990 cobrados atualmente pela versão Way 1.3 GSR. A tendência, portanto, é a extinção das versões Sporting, atualmente as mais caras da gama. Zola não deu prazo para que as mudanças ocorram.

Veja como anda o Cronos Precision 1.8 AT

UOL Carros

Mais Testes e lançamentos