Carros

Volkswagen garante que manterá investimentos de R$ 10 bi no Brasil

Nilton Cardin/Folhapress
Investimentos preveem uso de plataforma global até para a nova geração do Gol Imagem: Nilton Cardin/Folhapress

Do UOL, em São Paulo (SP)

21/10/2015 14h27

O presidente da Volkswagen no Brasil, David Powels, garantiu nesta semana que os planos de investir R$ 10 bilhões para atualizar sua linha de produtos no Brasil continua de pé, embora o chefão mundial do grupo, Matthias Mueller, já tenha informado que a montadora fará um corte generalizado de investimentos para reequilibrar as contas.

A declaração do executivo foi publicada pelo jornal Valor Econômico.

As operações do grupo ficaram fragilizadas após a descoberta de que 11 milhões de veículos movidos a diesel em todo o mundo usaram um programa para fraudar testes de emissões de poluentes. Além da forte desvalorização da marca por conta do escândalo, especialistas estimam que a Volks terá que pagar cerca de US$ 30 bilhões (R$ 115 bilhões) em multas e indenizações.

Segundo o mandatário da companhia no Brasil, contudo, a necessidade de renovar a linha não deixa espaço para cortar os investimentos anunciados no início deste ano ao país. O objetivo é aperfeiçoar o uso de plataformas globais para produzir localmente modelos como up! e Jetta (já nacionalizados), Golf (prestes a ter produção iniciada) e, futuramente, a sexta geração do Gol.

"Não vamos reduzir [investimentos], cortar produtos ou mudar os planos no Brasil. [As revisões globais] não terão grande impacto aqui", disse Powels durante congresso sobre perspectivas da indústria, segundo o Valor. "Precisamos de uma plataforma nova para produzir", reiterou.

Promessa de resposta sobre Amarok

Durante o evento, porém, o executivo não comentou se a manipulação vai afetar as cerca de 84 mil unidades da picape Amarok vendidas aqui -- o modelo possui propulsor turbodiesel da família EA189, que está no núcleo do caso. 

Entretanto, sempre de acordo com o jornal, o executivo prometeu que a subsidiária está preparando um comunicado sobre o tema a ser divulgado nos próximos dias, e que deve enfim esclarecer se a picape comercializada aqui está ou não envolvida.

Caso a fraude seja comprovada também no Brasil, o Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente) pode aplicar multa de até R$ 50 milhões à Volks nacional. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo