Topo

Salão de Nova York


Volkswagen Tarok testa receptividade nos EUA antes de lançamento no Brasil

Murilo Góes/UOL
Tarok será construída sobre a mesma base de Golf e Jetta e terá capacidade de carga superior a 1 tonelada Imagem: Murilo Góes/UOL

Do UOL, em São Paulo

2019-04-16T07:00:00

16/04/2019 07h00

Resumo da notícia

  • Tarok será mostrada no Salão de Nova York
  • Futura rival da Fiat Toro chega ao Brasil em 2020
  • Fabricação será no Brasil ou Argentina
  • Primeira aparição foi em novembro passado, no Salão do Automóvel
  • Tarok poderá ser exportada aos EUA

A Volkswagen Tarok, picape de porte intermediário que a marca alemã vai lançar no Brasil em meados de 2020, com fabricação na América do Sul, será uma das atrações da marca no Salão de Nova York (EUA), que abre as portas ao público na próxima sexta (19).

A VW ainda não anunciou onde a Tarok será fabricada: há chances de produção em São José dos Pinhais (PR), ao lado do T-Cross, mas a Argentina está à frente, onde pode ser feita ao lado do futuro Tarek. Seja Brasil ou Argentina, confirmou a empresa a UOL Carros, há chances de o utilitário ser exportado para a América do Norte. Também está em análise a possibilidade de a picape ser feita em outros continentes.

A Tarok fez sua primeira aparição mundial em novembro passado, no Salão do Automóvel de São Paulo, como conceito. Parte do seu desenvolvimento é conduzida por engenheiros brasileiros.

No material oficial de divulgação, a Volks afirma que não há planos de produção da Tarok nos Estados Unidos e afirma que sua aparição servirá para "medir a reação do mercado" local a uma "verdadeiramente versátil e compacta picape de entrada".

Atualmente, a fabricante não oferece nenhuma picape no país norte-americano, onde essa categoria é uma das mais populares.

Capacidade de carga de Toro diesel

Feita sob medida para concorrer com a bem-sucedida Fiat Toro, a Tarok é mais um produto da VW projetado sobre a plataforma modular e global MQB e traz a mesma base construtiva de Golf, Jetta e do SUV grande Atlas -- hoje vendido e produzido exclusivamente nos Estados Unidos.

Terá 2,99 m de distância entre-eixos, mesma medida da Toro, 4,91 m de comprimento e 1,83 m de largura

A caçamba medirá 1,20 m de extensão. No conceito, esse espaço é expandido para acomodar objetos maiores por meio de um sistema com portinhola de acesso à cabine e de rebatimento do banco traseiro. A capacidade de carga exata foi revelada pela Volkswagen norte-americana: 1.030 kg, similar à das versões turbodiesel da Toro.

O conceito exibido nos EUA, como a unidade já mostrada no Brasil, traz motor 1.4 turbo de 150 cv, gerenciado por transmissão automática de seis marchas. Aqui, esse motor, já utilizado em modelos como T-Cross e Jetta, será flex -- a VW não dá detalhes sobre quais propulsores serão de fato utilizados aqui, nem se haverá opção turbodiesel.

Só a Tarok terá, porém, tração integral 4Motion dotada de distribuição eletrônica do torque entre os dois eixos.

Conforme mostrado no Salão do Automóvel, a cabine é semelhante à do Polo e do T-Cross e no conceito traz inclusive o painel de instrumentos digital em tela de alta resolução de 12,3 polegadas que equipa as versões mais caras do hatch e do SUV compactos.

Mais Salão de Nova York