Topo

Carros

Carro "verde" pode ser bonito? BMW i8 prova que sim; assista

André Deliberato

Do UOL, em São Paulo (SP)

02/05/2016 08h00

BMW i8 roubou a cena no Salão de SP 2014 por conta de seu visual futurista e das portas ousadas, que se abrem ao estilo tesoura. Conforme relatado por nossa reportagem, o híbrido foi um dos modelos que mais fez sucesso naquela edição.

Híbrido?

Muitos se impressionavam ao descobrir que o i8 não era só elétrico, já que a divisão "i" foi especialmente desenvolvida para criar modelos ecologicamente corretos.

O modelo é equipado com motor de três cilindros (turbo de 1,5 litro no eixo traseiro) -- o mesmo de Série 1 e Mini Cooper --, que combinado a um motor elétrico, de 133 cv e 25,4 kgfm, podia gerar, no total, 362 cavalos e 58,1 kgfm de torque.

São números que o fazem andar na frente de muitos carros da divisão esportiva da marca, a Série M, e podem fazê-lo chegar a 250 km/h (velocidade máxima, limitada eletronicamente) e acelerar de 0-100 km/h em 4,4 segundos.

O i8 tem apenas dois lugares -- há dois pequenos bancos na parte de trás, mas até crianças ficam apertadas -- e continua sendo vendido no Brasil sob encomenda, por cerca de R$ 800 mil. Quase dois anos depois, esse superesportivo chega à redação de UOL Carros. Hora de conferir se o sucesso se repete.

Mais Carros