Carros

JAC joga fábrica para 2016 já com hatch, sedã e crossover pequenos

Divulgação
J3 é enterrado sob pedra fundamental da fábrica da JAC, em Camaçari, no já remoto 2012... abertura fica para 2016 Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

10/02/2015 14h47

A inauguração da fábrica da JAC em Camaçari (BA) vai atrasar um pouco mais. Em conversa com UOL Carros na segunda-feira (9), o presidente da JAC no Brasil, Sérgio Habib, afirmou que situações de fundo "já estão resolvidas" e que as obras começam em abril. Com isso, a produção dos primeiros modelos em solo brasileiro fica para 2016. A estimativa inicial, quando da cerimônia de lançamento da pedra fundamental em novembro de 2012, era de inaugurar a fábrica ao fim de 2014. 

Conforme revelado por UOL Carros, a marca chinesa produzirá em Camaçari uma família com hatch sedã e crossover compactos, que substituirá a atual linha de modelos pequenos (J3 a J6) -- a base dos novos modelos deve seguir o Refine S2, que será revelado durante o Salão de Xangai, em abril. A expectativa para os novos carros é grande.

Todos devem ser equipados com um inédito motor 1.0 3-cilindros nas versões de entrada, como opções aos já conhecidos propulsores 1.4 e 1.5. As transmissões serão manual de cinco marchas ou CVT (continuamente variável) que estreia no Brasil ainda este ano com o SUV compacto T5 -- a ser lançado no fim do segundo semestre, terá tamanho de EcoSport e ficará abaixo do T6.

Orçada em R$ 1 bilhão, a fábrica prevê a contratação de 3.500 funcionários diretos e a produção anual de 100 mil veículos.

REPASSES ATRASADOS
De acordo com reportagem publicada nesta terça-feira (10) pelo jornal A Tarde, empréstimo de R$ 120 milhões feito pelo governo do Estado da Bahia à empresa chinesa ainda não foi liberado, pois está sob análise no Conselho de Crédito da Desenbahia (agência estadual de fomento).

Atrasos de empréstimos e de obtenção de licenças ambientais ajudaram a retardar a construção do complexo em mais de um ano.

Divulgação
Com "tamanho de ix35 e preço de EcoSport", T6 será carro-chefe da JAC Imagem: Divulgação
OPÇÃO PELO MAIOR
Enquanto a fábrica não vem, a JAC vai apostar suas fichas no mercado de SUVs: o médio T6 chega às lojas no começo de março com a missão de se tornar o carro mais vendido da JAC no Brasil até a fábrica começar a operar. Será dele praticamente toda a cota de 5 mil unidades livres da cobrança adicional de IPI. 

Até o final do ano, será a vez também do T5. Paralelamente, a empresa corre para liberar cota extra (já contando com o status de "fabricante") e manter a linha "J" ativa... até que a fábrica e os novos carros cheguem.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo