UOL Carros

01/05/2009 - 13h22

Depois da Chrysler, Fiat está de olho na Opel

Em Milão (Itália)
O próximo projeto da montadora italiana Fiat é um acordo com a alemã Opel, após uma aliança com a norte-americana Chrysler, disse o presidente-executivo da Fiat numa entrevista publicada nesta sexta-feira (1).

Sergio Marchionne disse ao jornal italiano La Stampa que a Fiat também continua comprometida com a Itália, mas precisa trabalhar junto ao governo e a sindicatos em "problemas estruturais". "Agora nós temos que nos concentrar na Opel. Eles são nosso parceiro perfeito", disse Marchionne, aparecendo como um possível interessado na unidade alemã da General Motors.

Na quinta-feira, a Fiat fechou um acordo com a Chrysler , a menor das três grandes montadoras de Detroit. A Fiat vai assumir uma participação inicial de 20% na Chrysler, que também pediu concordata. "O objetivo é fortalecer a Fiat e dar à Chrysler uma chance de colocar ordem as coisas", disse Marchionne.

"Eu tenho que dizer que a situação do mercado nos ajudou muito. A crise norte-americana tornou isso uma possibilidade e criou condições favoráveis para nós", acrescentou.
Fale com UOL Carros

SALOES