UOL Carros

09/02/2009 - 11h14

Produção quase dobra em janeiro, mas no ano cai 27,1%, diz Anfavea

Em São Paulo
A produção de veículos no Brasil saltou 92,7% em janeiro sobre dezembro depois de cinco meses de quedas consecutivas, quando o setor foi abalado pela crise de crédito internacional. Porém, na comparação contra igual mês do ano anterior, houve queda de 27,1%. Foram produzidas 186,1 mil unidades no mês passado, contra 96,6 mil em dezembro de 2008. Já em janeiro de 2008 a produção foi de 255 mil unidades.

Oa dados são da Anfavea, a Associação Nacional dos Favricantes de Veículos Automotores, e foram divulgados nesta segunda-feira (9).

O mercado esperava com ansiedade os dados, depois que a produção industrial brasileira como um todo apresentou queda recorde em dezembro, puxada pelo setor automotivo. As vendas subiram 1,5% na comparação mensal e caíram 8,1% ano a ano, para 197,5 mil unidades.

As vendas externas de veículos novos despencaram 48,1% em janeiro sobre dezembro e recuaram 60,1% sobre o ano anterior, atingindo 22,6 mil unidades. Em valor, as exportações declinaram 50,5% contra dezembro e 58,2% na comparação anual, para US$ 428,3 milhões.

  • LEIA TAMBÉM: venda de usados estável em janeiro

    O nível de emprego no setor automotivo caiu 1,5% em janeiro contra o mês anterior, mas subiu 3,7% na comparação anual, para 126.188 postos de trabalho.

    O destaque do mês foi a General Motors, cujas vendas de automóveis e comerciais leves saltaram de 29.310 em dezembro para 38.151 unidades em janeiro. No entanto, a GM segue em terceiro lugar no ranking das montadoras.

    A Fiat registrou vendas de 43.312 unidades, alta ante as 42.567 unidades de dezembro, o que a coloca em primeiro lugar no país. A Volkswagen aparece em segundo lugar, com comercialização de 41.134 unidades no mês passado, contra vendas de 40.374 unidades em dezembro. A Ford teve vendas praticamente estáveis, passando de 22.603 em dezembro para 22.561 em janeiro.
  • Fale com UOL Carros

    SALOES