UOL Carros

19/07/2006 - 11h52

Qualidade do combustível do país encosta no padrão internacional

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Os combustíveis no Brasil estão se aproximando em qualidade do padrão internacional, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta quarta-feira.

Em junho, o índice que aponta a não-conformidade, ou seja, indica desvio nas especificações definidas pela ANP, caiu nos três principais produtos pesquisados.

O diesel teve queda de 3% para 2% no índice de não-conformidade em relação a junho, enquanto que o álcool cedeu de 3,3% para 2,9% e a gasolina de 3,9% para 3,7%.

"Os padrões de qualidade desses combustíveis, que, desde maio são os melhores registrados nos últimos cinco anos, com os resultados de junho estão ainda mais próximos dos índices internacionais de não-conformidade, que se situam entre 3% e 3,5%", informou a ANP em um comunicado.

Em 2001, o índice de não-conformidade do diesel era de 6,5%; do álcool era de 10,3%; e o da gasolina de 9,2%.

Foram pesquisadas no Brasil em junho 6.496 amostras de gasolina, 3.426 amostras de diesel e 5.835 amostras de álcool. Das amostras de gasolina analisadas, 240 foram consideradas fora do padrão; no diesel, 67; e no álcool, 168.

(Por Denise Luna)

Compartilhe:

    Fale com UOL Carros

    SALOES