UOL Carros
 
27/01/2009 - 12h51

Honda afirma que restringirá cortes a 50 mil unidades até março

Da Redação, com agência internacionais*
A montadora Honda tratou de tentar atenuar o impacto do anúncio de redução de sua produção para Japão e América do Norte, feito nesta terça-feira (27). Horas após afirmar que diminuirá em até diminuirá em até 50 mil unidades o total de carros produzidos nos dois mercados, a empresa afirmou não tem mais cortes de produção ou de postos de trabalho previstos para o atual ano fiscal, que termina em março. A informação foi dada pela agência Efe.

Segunda maior montadora do Japão, a Honda afirmou inicialmente estar, juntamente com o setor automotivo, em momento de demanda franca gerada pela atual crise global. Como consequência, cortaria a produção em mais 29 mil unidades na América do Norte e em 21 mil unidades no Japão.

De toda forma, o corte de produção chega a atingir linhas inteiras, como a responsável pelo roadster S2000, que será descontinuado, após dez anos.

Com a redução, o volume para as duas áreas ficará 12% menos no atual ano fiscal, em relação ao período anterior.

De qualquer forma, a possibilidade de novas medidas drásticas para o próximo ano fiscal (que começa em abril), ou seja, para o restante de 2009 não foi descartada.

O porta-voz não falou nada sobre possíveis cortes durante o próximo ano fiscal, que começará em abril, para o qual o fabricante não revelou ainda suas previsões de produção.

A produção norte-americana da Honda totalizará 1,26 milhão de unidades no ano que termina em março, enquanto no Japão será de 1,15 milhão de unidades, informou a Honda em um comunicado.

*Com Reuters e EFE

Veja também

Carregando...
Fale com UOL Carros

SALOES