UOL Carros
 
17/09/2008 - 22h00

Setembro começa com reação do mercado e vendas sobem 6,84% em relação a agosto; Fiat lidera

Da Redação
Em São Paulo
A boa seqüência de lançamentos e anúncios feitos pelas grandes montadoras do país, nas últimas semanas, parece ter tido efeito positivo sobre o mercado automotivo brasileiro, que volta a registrar aumento nas vendas após o período de baixa registrado em agosto. De acordo com os dados divulgados na terça-feira (16) pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), um total de 120.532 unidades, entre automóveis e veículos comerciais leves (picapes e SUVs), foram comercializados nos 15 primeiros dias de setembro, alta de 6,84% em relação à quinzena inicial do mês anterior e de expressivos 15,52% quando comparado ao mesmo período de 2007.

A análise do período mostra que do total de 120.532 automóveis e comerciais leves vendidos, 104.135 (86,4%) estavam equipados com motor bicombustível (flex).

Ao contabilizar-se todas as categorias -- automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas e implementos rodoviários -- o total de emplacamentos no país chegou a 225.459 unidades na primeira quinzena de setembro, 5,11% a mais do que no período equivalente em agosto e 14,8% maior do que no mesmo período no ano anterior.

  • Leia o relatório da Fenabrave para a primeira quinzena de setembro

    Considerando a participação de cada montadora no mercado principal de automóveis, a Fiat segue liderando, com 25,44% de participação. Volkswagen tem 24,26%, GM aparece com 20,94% e Ford, bem atrás, tem 8,4%. A quinta fabricante no país é a francesa Renault, com 5,78% do mercado de carros e veículos comerciais leves.

    CIVIC VOLTA AO TOP 10
    Em ascensão, o sedã médio Honda Civic voltou a figurar entre os 10 automóveis mais vendidos no país, com 2.806 unidades comercializadas em setembro, após ter começado agosto em 14º e terminado em 12º. Com tal desempenho, deixa para trás o rival japonês Toyota Corolla, que teve 2.238 emplacamentos e aparece em 12º.

    A Fiat viu dois de seus "lançamentos" subirem no ranking inicial do mês. O compacto Mille, agora Mille Economy, ganhou uma posição e figura em terceiro, com 6.860 unidades, enquanto a picape Fiat Strada, reformulada, aparece agora na oitava posição, com 3.361 unidades vendidas.

    Por outro lado, a Ford viu Ka e Fiesta hatch perderem posições. São agora nono, com 3.010 vendas, e 13º, com 2.205 emplacamentos, respectivamente.

    Com liderança fácil do Volkswagen Gol, com mais de 5.100 unidades de vantagem para o segundo colocado, Fiat Palio, os 15 carros mais vendidos no Brasil no período inicial do mês, entre automóveis e veículos comerciais leves, foram:

    1º) Volkswagen Gol - 13.807 unidades
    2º) Fiat Palio - 8.626
    3º) Fiat Mille - 6.860
    4º) Chevrolet Corsa/Classic - 6.018
    5º) Chevrolet Celta - 5.860
    6º) Volkswagen Fox/CrossFox - 5.300
    7º) Fiat Siena - 4.103
    8º) Fiat Strada - 3.361
    9º) Ford Ka - 3.010
    10º) Honda Civic - 2.806
    11º) Chevrolet Corsa hatch - 2.269
    12º) Toyota Corolla - 2.238
    13º) Ford Fiesta hatch - 2.205
    14º) Renault Sandero - 2.117
    15º) Renault Logan - 2.074

    Veja também

    Carregando...
  • Fale com UOL Carros

    SALOES