UOL Carros
 
14/08/2008 - 13h49

Importados têm crescimento de 310% em um ano, diz associação

Da Redação
A Abeiva (Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores) anunciou nesta quinta-feira (14) que as vendas das 11 marcas filiadas fecharam julho em 3.949 unidades, um número 14,8% maior em relação a junho (3.439 veículos). Mas o crescimento maior, atestando o efeito do dólar desvalorizado, foi ante o mesmo mês de 2007: nada menos que 310,9%. No mesmo mês do ano passado, 961 importados foram comercializados no Brasil -- ressalvando que a Abeiva representava menos marcas na ocasião.

Os carros que entram na conta atual são de BMW, Chrysler, Dodge, Effa Motors, Ferrari, Jeep, Kia Motors, Maserati, Pagani, Porsche e SsangYong.

Essa marcas fecharam os primeiros sete meses do ano com um acumulado de 17.462 unidades vendidas, um número 261,23% maior em relação aos 4.834 veículos em igual período de 2007. A projeção de emplacar 32 mil unidades até o final do ano está mantida; este número pode ser corrigido para cima caso novas marcas se filiem à Abeiva.

A participação das marcas importadas no mercado de automóveis e comerciais leves, em julho, chegou a 1,47%. No ano, o acumulado de vendas representa 1,02% de participação. Ambas as cifras mais que dobraram na comparação com os períodos anteriores.

Os dados acima são das vendas no atacado. No varejo, em números absolutos, julho teve o emplacamento de 3.752 veículos importados; no acumulado do ano, são 15.882 unidades. Todos os dados são da Abeiva.

Veja também

Carregando...
Fale com UOL Carros

SALOES