UOL Carros
 
21/05/2008 - 12h17

Honda promete híbrido 'popular' para 2009

Da Reuters, em Tóquio
A Honda informou nesta quarta-feira (21) que lançará um veículo híbrido de baixo custo no Japão, América do Norte e Europa no início de 2009, enquanto tenta reduzir a liderança da Toyota na corrida pelos automóveis verdes. A rival da Honda acaba de comemorar 1 milhão de unidades vendidas globalmente de seu modelo híbrido, o Prius.

Apesar da pressão dos preços recordes do petróleo e das preocupações sobre mudanças climáticas, os veículos híbridos ainda ocupam uma pequena parcela no mercado global de automóveis, parcialmente por causa de seus custos maiores para clientes e montadoras. Esses veículos produzem baixas emissões de gases e são mais eficientes em termos de consumo de combustível.

As duas principais montadoras do Japão lideram a indústria na tecnologia de economia de combustível, que utiliza motores tanto a gasolina quanto elétricos. Mas a Toyota tem dominado as vendas com o Prius.

Ao combinarem motores a combustão e elétricos, os veículos híbridos atualmente são cerca de US$ 5.000 mais caros -- valor que o presidente-executivo da Honda, Takeo Fukui, espera ver diminuir para cerca de US$ 2.000 na próxima geração da tecnologia.

O vice-presidente executivo da Honda, Koichi Kondo, informou que montadora espera que o preço do veículo híbrido fique abaixo dos 2 milhões de ienes (cerca de US$ 19.290, ou R$ 35 mil). A Honda vende atualmente um veículo híbrido, uma versão gasolina-eletricidade do sedã Civic, que custa cerca de 2,3 milhões de ienes. A montadora espera vendas anuais de 200 mil unidades do novo híbrido.

Veja também

Carregando...
Fale com UOL Carros

SALOES