UOL Carros
 
12/01/2008 - 06h52

Vectra GT-X traz mais requinte ao hatch da GM

Da Auto Press
A acirrada guerra entre os automóveis médios gerou uma fragmentação do mercado, e o novo Chevrolet Vectra GT chegou em setembro para dividir ainda mais o nicho, desta vez nas configurações hatchs. Com ele, a General Motors colocou a versão dois volumes do Vectra para brigar com modelos "tops" e empurrou o Astra para encarar os hatchs de entrada. Dentro do subsegmento do hatches médios "tops", a GM deu um jeito de elevar ainda mais a proposta com a versão GT-X. O modelo agrega equipamentos e itens visuais para encarar os concorrentes, e também para justificar o preço sugerido de R$ 68.990 - R$ 9.400 a mais que a configuração GT.

Luiza Dantas
O modelo se destaca pela estabilidade, mesmo em altas velocidades
IMPRESSÕES
VEJA MAIS FOTOS DO CARRO


Freios ABS, banco com ajuste lombar, rádio com suporte para CD e MP3 com comandos no volante, computador de bordo, controle de cruzeiro e retrovisores rebatíveis eletricamente são os equipamentos que diferenciam as duas versões. Visualmente, os acréscimos são as rodas de liga leve aro 17, as capas dos retrovisores na cor do veículo, o revestimento em couro dos bancos, a ponteira do escape e soleiras das portas cromadas e antena do tipo "barbatana de tubarão".

FICHA TÉCNICA
Chevrolet Vectra GT-X 2.0
Motor: Gasolina ou álcool, dianteiro, transversal, 1.998 cm³, quatro cilindros em linha, duas válvulas por cilindro, comando simples de válvulas no cabeçote. Injeção eletrônica de combustível multiponto. Acelerador eletrônico.
Transmissão: Câmbio manual de cinco marchas à frente e uma a ré. Tração dianteira e opção de transmissão automática de quatro velocidades. Não oferece controles de estabilidade e tração.
Potência: 128 cv com álcool e 121 cv com gasolina a 5.200 rpm.
Torque máximo: 19,6 kgfm com álcool a 2.400 rpm e 18,3 kgfm com gasolina a 2.600 rpm.
Diâmetro e curso: 86,0 mm X 86,0 mm. Taxa de compressão: 11,3:1.
Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson invertido, com braço de controle ligado ao sub-chassi, molas helicoidais com compensação de carga lateral, amortecedores telescópicos hidráulicos pressurizados e barra de torção. Traseira semi-independente com viga de torção com dois braços de controle, molas tipo barril com diâmetro variável e progresivo e amortecedores telescópicos hidráulicos pressurizados.
Freios: Discos ventilados na frente e tambores atrás. Sistemas ABS, EBD e assistente de frenagem.
Carroceria: Carroceria: Hatch médio em monobloco com quatro portas e cinco lugares. 4,28 metros de comprimento, 1,75 m de largura, 1,46 m de altura e 2,61 m de distância entre-eixos. Airbags frontais dianteiros. Não oferece airbags laterais ou de cabeça.
Peso: 1.223 kg em ordem de marcha com 520 kg de carga útil.
Porta-malas: 345 litros.
Tanque: 52 litros.
Preço: R$ 68.990
Os itens da versão GT-X se somam aos equipamentos já comuns ao Vectra GT: airbag duplo, sistema de navegação por GPS, ar-condicionado automático com saídas para os assentos traseiros e porta-luvas, sensor de chuva, direção hidráulica, trio elétrico, alarme, travamento automático das portas, ajustes de altura e de profundidade do volante e do banco do motorista, entre outros. Nas vendas, os modelos pouco se diferem. O GT-X responde por 50,8% das vendas totais do hatch desde o seu lançamento, em setembro. O Vectra dois volumes somou 4.286 unidades entregues em 2007.

Os Vectra GT e GT-X foram desenvolvidos numa parceria entre a GM brasileira e a Opel da Alemanha, pois mesclam elementos do Vectra sedã brasileiro e do Astra europeu. O motor é o mesmo 2.0 flex que gera 128 cv de potência com álcool e 121 cv com gasolina a 5.200 rotações e que equipa versões do Vectra sedã e do Astra nacionais. O torque máximo é de 19,6 kgfm a 2.400 giros e de 18,3 kgfm alcançado em 2.600 rpm respectivamente. As duas versões do modelo trabalham com transmissão manual de cinco marchas, mas para ambas há a opção de câmbio automático de quatro velocidades. Com ele, o GT-X chega a R$ 74.464.

Com preços a partir de R$ 68.900, o Vectra GT-X briga com configurações top de outros hatchs médios. Como o Peugeot 307 Feline, que parte dos R$ 62.450 com câmbio manual e basicamente os mesmos equipamentos. Ou o Volkswagen Golf Comfortiline 2.0 alcança R$ 71.630 com os mesmos itens do GT-X.

(por Fernando Miragaya)

Veja também

Carregando...
Fale com UOL Carros

SALOES