Carros

Fiat Chrysler avalia holding na Holanda para Ferrari, diz CEO

03/03/2015 07h41

GENEBRA (Reuters) - O presidente-executivo da Fiat Chrysler Automobiles , Sergio Marchionne, disse nesta terça-feira que o grupo considera criar uma holding com sede na Holanda para controlar a unidade de luxo Ferrari, que a Fiat está cindindo do restante do grupo neste ano.

Marchionne disse que o grupo considera ainda estabelecer um esquema de lealdade de ações para a Ferrari, similar ao criado para a Fiat-Chrysler.

"A Ferrari continuará a fabricar carros na Itália, gerar lucros neste país e pagar impostos na Itália. Pode ocorrer que surja uma solução, e estamos examinando-a, do ter uma companhia acima da Ferrari", disse Marchionne a jornalistas em evento do setor automobilístico em Genebra.

Ele disse que a intenção seria facilitar a listagem da Ferrari em bolsa e não devido a razões ligadas a impostos.

Marchionne acrescentou que o grupo pode ser comprador ou vendedor em quaisquer atividades de fusão e aquisição futuras.

(Por Agnieszka Flak)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo