Carros

Mercedes tem maior lucro trimestral em 3 anos e se aproxima de Audi e BMW

Murilo Góes/UOL
Números contrariam desaceleração no segmento de carros de passeio Imagem: Murilo Góes/UOL


Em Frankfurt (Alemanha)

23/10/2014 09h53

Com vendas e lucros em patamares elevados no terceiro trimestre de 2014, a Mercedes-Benz estreitou ainda mais a distância para suas duas grandes rivais alemãs no segmento premium, Audi e BMW. O balanço foi divulgado nesta quinta-feira (23) pela sócia majoritária da fabricante, a Daimler.

O resultado é positivo, em especial, porque houve queda na expectativa global de demanda por veículos de passeio e caminhões. No início do ano, esperava-se um aumento de 4% a 5% neste segmento, previsão que já caiu para 3% nas últimas análises. A desaceleração do mercado brasileiro, a forte crise na Argentina e o conflito entre Rússia e Ucrânia no leste europeu contribuíram para este novo cenário.

No entanto, de acordo com os números da Daimler, o retorno sobre vendas com negócios contínuos da Mercedes avançou para 8,6% entre julho e setembro -- 1% a mais do que no trimestre anterior --, o maior nível para esta medida de lucratividade desde 2011. Tal desempenho foi suficiente para impulsionar o lucro operacional do grupo (Ebit) em mais de dois terços, chegando a 67% de alta.

O saldo positivo também ajudou o lucro bruto da Daimler (não descontados juros e impostos) a alcançar 3,73 bilhões de euros (quase R$ 12 bilhões). Este índice já inclui os 1 bilhão de euros obtidos com a venda de 50% da Rolls-Royce Power Systems.

"A qualidade do resultado foi boa e a Daimler ainda não atingiu o pico de seu ciclo de produtos, então não há razão para que os lucros não atingem os índices de seus concorrentes", declarou Daniel Schwarz, analista de veículos do Commerzbank, um dos maiores bancos de investimentos da Alemanha.

Com o balanço do trimestre, o grupo germânico já estima que as vendas de Mercedes e smart (marca de subcompactos subsidiária) cheguem a 1,6 milhão de unidades em 2014, ante 1,57 milhão registradas no ano passado. Consequentemente, os lucros também devem apresentar "crescimento significativo" no balanço final.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo