Carros

CEO da Daimler reduz expectativas para crescimento de mercado automotivo mundial

02/10/2014 12h04

PARIS, 2 Out (Reuters) - O presidente-executivo da montadora alemã Daimler, Dieter Zetsche, disse agora esperar que o mercado automotivo mundial cresça apenas 3 por cento neste ano, uma vez que a crise entre Ucrânia e Rússia prejudica a demanda, e o crescimento desacelera em mercados como o Brasil e a Argentina.

Zetsche havia antecipado anteriormente que o mercado cresceria entre 4 e 5 por cento.

Falando no salão do automóvel em Paris nesta quinta-feira, ele disse também que continua a ver crescimento na China para a marca Mercedes-Benz, da Daimler.

"O crescimento desacelerou, mas de uma base muito mais ampla. Não podemos esquecer que (a China) é a segunda maior economia. Vemos crescimento de dois dígitos neste ano", disse Zetsche no salão do automóvel.

A demanda na Rússia continua acima do nível do ano anterior, apesar de uma necessidade de aumentar os preços para compensar pelo rublo mais fraco, disse Zetsche.

(Por Edward Taylor)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo