Carros

Vendas da Honda na China sobem 15,8% em junho; meta do ano é bater 900 mil

Newspress
Imagem: Newspress


Samuel Shen e Adam Jourdan

Em Xangai (China)

02/07/2014 08h29Atualizada em 02/07/2014 19h26

A Honda e suas duas joint ventures na China, Dongfeng e Guangzhou, divulgaram nesta quarta-feira (2) um aumento de 15,8% nas vendas de veículos para o mercado chinês em junho. O percentual está relacionado ao mesmo mês do ano passado, e corresponde a um total de 70.739 unidades comercializadas durante o período.

A forte alta ajudou a montadora japonesa a fechar o semestre com 353.416 veículos emplacados no país mais populoso do mundo, 11,7% a mais do que o aferido nos seis primeiros meses de 2013. Também consolida a reação já mostrada em maio, quando o índice ficou em 10,5% positivos, contrastando com a queda de 3,6% registrada em abril.

Mesmo com a recuperação, a Honda tem um grande desafio para a segunda metade do ano: precisa emplacar 550 mil carros para atingir a meta -- estabelecida pela própria companhia -- de 900 mil veículos vendidos na China em 2014. Se o objetivo for atingido, representará um acréscimo de 18,9% na participação da fabricante no atual maior mercado automotivo do planeta.

Para os próximos dois anos, a Honda planeja crescer ainda mais na China, dobrando a quantidade de modelos oferecidos ao consumidor daquele país.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo