Carros

GM faz recall de mais de 1,6 milhão de carros; custos chegam a US$ 300 mi

Lucy Nicholson/Reuters
Imagem: Lucy Nicholson/Reuters

Ben Klayman

Em Detroit (EUA)

17/03/2014 13h07

A General Motors gastará US$ 300 milhões (cerca de R$ 670 milhões) para cobrir os custos de mais três recalls anunciados para o mercado norte-americano nesta segunda-feira (17).

Além dos novos problemas, falha nos interruptores de ignição defeituosos de várias unidades provocaram pelo menos 12 mortes nos Estados Unidos. Seguradoras chegaram a acusar a montadora de provocar 303 mortes pelo adiamento do recall.

Segundo a fabricante, que irá contabilizar o gasto neste primeiro trimestre, os custos envolvem reparos em mais de 1,6 milhão de veículos -- desse montante, mais de 1,5 milhão de SUVs, sedãs e vans foram lançados recentemente no mercado. Os cerca de 100 mil restantes são de modelos mais antigos.

Após a divulgação de relatos de incêndios no compartimento do motor em dois Cadillac XTS (que pode estar envolvido no caso) por parte da mídia, a GM afirmou que não recebeu informações de acidentes ou lesões ligadas aos três novos recalls.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo