Carros

Acesso da Fiat ao caixa da Chrysler é limitado, afirmam italianos


Agnieszka Flak

Em Milão (Itália)

17/02/2014 09h04

A endividada montadora italiana Fiat disse nesta segunda-feira (17) que seu acesso ao caixa da subsidiária norte-americana Chrysler, que passou a controlar totalmente no mês passado, está restrito por um limite sobre dividendos da unidade e covenants (métricas de dívida).

A Fiat também disse que financiamentos internos estão limitados por covenants, que exigem a aprovação da maioria de membros independentes do Conselho de Administração da Chrysler. A montadora italiana afirmou, porém, que tem recursos suficientes para financiar suas atividades.

Parte da motivação para o grupo tomar o controle total da unidade em um acordo de US$ 4,35 bilhões -- mais de R$ 10 bilhões) pelo câmbio de 17 de fevereiro -- era dar à Fiat acesso as finanças da Chrysler para que pudesse investir em novos modelos e recuperar as operações deficitárias na Europa.

Analistas levantaram preocupações sobre o aumento da dívida da Fiat e sua habilidade de financiar uma estratégia que irá mudar o foco da montadora para suas marcas Maserati e Alfa Romeo, para substituir a excessiva dependência dos mercados de massa, com baixa margem.

Em resposta a um pedido de esclarecimento do regulador de mercado italiano Consob, a Fiat disse que além do limite, o pagamento de dividendos está sujeito a uma condição de que a liquidez da Chrysler fique acima de US$ 3 bilhões.

A empresa disse que a liquidez da montadora norte-americana totalizava US$ 14,7 bilhões no fim de 2013.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo