Carros

Em alta na China, Nissan vende 95% a mais em novembro


Samuel Shen e Kazunori Takada

Em Xangai (China)

03/12/2013 08h12

A Nissan e sua parceira local, a Dongfeng, anunciaram nesta terça-feira (3) que as vendas na China em novembro ficaram na casa de 131.800 veículos, uma robusta alta de 95,7% perante igual período do ano passado.

Os números seguem um salto de 83% obtido em setembro e 128% registrado em outubro, sempre em comparação direta com o mesmo mês de 2012. 

Entretanto, saltos tão expressivos se devem a uma fraca base de comparação: em 2012, uma disputa territorial entre Pequim (China) e Tóquio (Japão) fizeram recrudescer sentimentos de animosidade entre os dois países, promovendo quedas vertiginosas nas vendas de automóveis nipônicos no maior mercado automotivo do planeta.

No acumulado dos 11 primeiros meses de 2013, a Nissan também está em alta, de 13,1%, chegando a um total de 1.132.000 veículos comercializados. A própria companhia anunciou que a nova expectativa de vendas para o fechamento do ano está em 1.270.000 de unidades, 20 mil a mais do que o estipulado anteriormente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo