Carros

Brasil produz 15,2% mais veículos em setembro sobre um ano antes

Alberto Alerigi Jr.

Em São Paulo (SP)

04/10/2013 10h58

A indústria brasileira de veículos acelerou sua produção em setembro em um momento em que o setor se prepara para um possível pico na demanda nos últimos meses do ano.

O setor produziu 332 mil carros, comerciais leves, caminhões e ônibus em setembro, crescimento de 15,2% sobre o mesmo período do ano passado e queda de 2,5%na comparação com agosto, que contou com um dia útil a mais que o mês passado. A produção do mês passado envolveu 311,9 mil carros e comerciais leves, segmento que além de utilitários esportivos inclui furgões, e 17,1 mil caminhões, além de 3,05 mil ônibus.

No acumulado do ano, a indústria teve produção de 2,84 milhões de unidades, crescimento de 13,9% na comparação com o período de janeiro a setembro de 2012, informou a associação de montadoras, Anfavea, nesta sexta-feira. O volume foi acumulado ante expectativa revisada para cima pela entidade em agosto de crescimento de 11,9%, a 3,790 milhões de veículos, em 2013.

Já as vendas de 309,9 mil veículos novos em setembro cresceram 7,6% na comparação com o fraco resultado de um ano antes, mas caíram 5,9% ante agosto, quando o setor tinha estoques de 400,5 mil unidades em pátios de montadoras e concessionários.

Com isso, de janeiro a setembro, a indústria acumula licenciamentos de 2,78 milhões de veículos novos, praticamente estável ante os 2,79 milhões de unidades um ano antes. A Anfavea cortou em agosto sua expectativa de crescimento das vendas este ano para entre 1% e 2% ante estimativa inicial de expansão de 3,5% a 4,5%.

Analistas do mercado esperam por uma aceleração das vendas nos últimos meses deste ano diante do pagamento do 13o salário e eventual antecipação de compras que pode ser gerada pela expectativa entre os consumidores sobre fim do desconto do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Porém, a avaliação de analistas e observadores do setor consultados pela Reuters é que o governo decida manter o benefício pelo menos até o início do ano eleitoral de 2014.

As exportações de veículos e máquinas agrícolas somaram US$ 1,43 bilhão no mês passado, alta anual de 28,1%, Considerando apenas veículos, as exportações somaram US$ 1,12 bilhão no mês passado e vendas externas de 45,5 mil unidades.

RANKING
A Fiat encerrou setembro com vendas de 63.202 automóveis e comerciais leves, após 65.995 em agosto. Volkswagen teve licenciamentos de 56.590 unidades ante 56.540 no mês anterior.

General Motors vendeu 50.687 veículos ante 58.500 em agosto, enquanto a Ford teve emplacamentos de 28.437 carros e comerciais leves ante 31.433 no mês anterior.

Em caminhões, o grupo MAN-Volkswagen fechou o mês passado praticamente empatado com a Mercedes-Benz na primeira posição. A MAN vendeu 3.289 unidades, enquanto a Mercedes-Benz, 3.214. A Volvo teve 1.746 licenciamentos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo