Carros

Fiat compra outra fatia da Chrysler e aumenta participação para 68,49%

Associated Press
Sergio Marchionne, CEO do grupo Fiat/Chrysler, anunciou nesta segunda-feira que a Fiat passa a contar com mais 3,3% das ações da Chrysler Imagem: Associated Press

Jennifer Clark

Em Milão (Itália)

08/07/2013 07h46

A Fiat informou nesta segunda-feira (8) que exerceu o direito de compra de mais 3,3% da Chrysler. A empresa italiana, que perde dinheiro com a crise na Europa, também afirmou que planeja ter o controle total da marca americana -- o que daria acesso a parte do fluxo de caixa da Chrysler para investimentos em novos modelos.

A Fiat iniciou este processo quando comprou 20% da Chrysler em 2009, com direito de elevar a participação para 75% em um processo gradual de três anos, até julho de 2014.

A fabricante italiana também pode comprar partes dos direitos que pertencem à Veba, empresa de saúde dos Estados Unidos ligada ao sindicato dos metalúrgicos.

Com a aquisição desta segunda-feira, a Fiat aumenta participação para 68,49%. A marca disse que seu cálculo do valor das ações é de US$ 254,7 milhões (cerca de R$ 530 milhões). Uma decisão da justiça sobre o preço que a Fiat irá pagar pelas ações ainda está pendente.

Com Redação de UOL Carros, em São Paulo (SP)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo