Carros

Honda adia produção de veículos híbridos na China

Norihiko Shirouzu
Shinichi Saoshiro

Em Tóquio (Japão)

14/06/2013 09h06

A Honda adiará o início da produção de carros híbridos na China, em uma tentativa de achar peças mais baratas, disse um funcionário da companhia nesta sexta-feira (14), em uma aparente resposta a medidas de redução de custos implementadas pela rival Toyota.

A marca planejava iniciar a produção até o começo do próximo ano, mas afirmou que o prazo foi ajustado para "dentro de três anos" -- para que a companhia pudesse localizar fornecedores de componentes mais baratos no país. "A acessibilidade (para a venda dos carros híbridos) é fundamental", disse o porta-voz da Honda, Natsuno Asanuma, em Pequim.

A empresa não forneceu mais detalhes sobre o tipo de peças que busca ou sobre possíveis joint-ventures com empresas chinesas.

A China se consolidou como o maior mercado para automóveis no mundo em 2009, mas a venda de veículos híbridos tem sido comparativamente baixa. A situação pode mudar em breve, à medida que Pequim busca incrementar subsídios para elevar as vendas dos carros com "nova energia".

Nesta sexta, a Honda também afirmou que planeja lançar 12 modelos no país até o fim de 2015, entre veículos completamente novos ou com alterações de design significativas. Anteriormente, a companhia divulgou que seriam 10 veículos introduzidos no mercado chinês.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo