Topo

Carros

Ações da Fiat sobem cerca de 3% com mercado de olho em Chrysler

Francesca Landini<br>Stefano Rebaudo<br>Jennifer Clark

Em Milão (Itália)

27/05/2013 07h54

As ações da Fiat subiam no pregão, nesta segunda-feira (27), após informação da imprensa de que a companhia estava em negociações com bancos para garantir o financiamento da compra da Chrysler.

Às 07h53 (horário de Brasília), as ações da empresa subiam 2,95%.

"A notícia de que (presidente-executivo da Fiat, Sergio) Marchionne poderia estar em negociações com bancos para fechar o financiamento para a compra da Chrysler está fazendo com que as ações subam", afirmou o estrategista de mercado da IG, Vincenzo Longo, em Milão. "O mercado acha que a história está esquentando."

O Wall Street Journal havia noticiado no sábado que o valor dos acordos provocados pela compra da Chrysler e a subsequente listagem na bolsa de valores de Nova York poderia somar US$ 20 bilhões.

"O jornal citou, talvez erroneamente, um valor de mais de US$ 20 bilhões após a fusão", afirmou um operador. "Se este valor estiver correto, o valor do IPO seria muito maior do que as atuais avaliações dos analistas."

A capitalização total de mercado da Fiat é atualmente de 6,7 bilhões de euros, ou US$ 8,4 bilhões.

Mais Carros