Carros

Executivo da PSA descarta fusão com Opel em aliança com GM

Martin Meissner/AP - 11-12-2012
Vista da fábrica da Opel em Bochum (Alemanha); franceses fazem nova restrição à união com GM Imagem: Martin Meissner/AP - 11-12-2012

Em Berlim (Alemanha)

24/12/2012 11h15

A PSA Peugeot Citroen descartou uma fusão com a Opel, unidade europeia da General Motors, como resultado da aliança dos dois grupos de veículos, publicou a Autogazette, nesta segunda-feira (24).

"Isto nunca foi uma questão durante as discussões", publicou a revista citando Olivier Dardart, diretor das operações alemãs da fabricante francesa. "O ponto (da aliança) não é reduzir pessoal."

Desde o anúncio da parceria em fevereiro, a planejada aliança entre a PSA e a GM despertou ceticismo de investidores diante da piora das finanças do grupo francês, que cortou milhares de empregos nos últimos meses.

E nem mesmo os detalhes da aliança conseguem ser estabelecidos: antes mesmo da divulgação desta semana, os dois grupos já deram mostra de desentendimento, por exemplo, ao desistirem de planos para um programa de desenvolvimento de modelos de médio porte, informação revelada na última quinta-feira (20).

Apesar disso, a aliança entre GM e PSA tem acordos assinado para três outros projetos de veículos e um de cooperação em motores.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo