Carros

Renault garante fábricas abertas em troca de novo acordo trabalhista

Laurence Frost

Da Reuters, em Paris (França)

13/11/2012 11h42

A Renault ofereceu a sindicatos um compromisso para evitar o fechamento de fábricas domésticas em troca de um novo acordo sobre salários e condições, disse uma porta-voz da empresa nesta terça-feira (13).

"No âmbito de um acordo global sobre todas as medidas propostas, a administração estaria disposta a assumir compromissos de não fechar nenhuma fábrica francesa", disse oficialmente a porta-voz após uma reunião com os sindicatos.

O compromisso para evitar fechamentos foi oferecido "apesar de um mercado europeu que não deve ver qualquer crescimento real durante o plano de crescimento estratégico atual que vai durar até 2016", disse a representante.

A companhia disse em setembro que estava em busca de um novo acordo trabalhista nacional com sindicatos franceses para cortar custos e alinhar a produção doméstica com as fábricas da Renault e da Nissan no Reino Unido e na Espanha.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo