Topo

Carros

Executivo da Opel diz que componentes da GM são muito caros

Christiaan Hetzner

Da Reuters, em Frankfurt (Alemanha)

05/10/2012 12h01

A Opel, empresa controlada pela GM e que enfrenta crise financeira, acredita que há potencial significativo para cortar custos na fabricação de carros usando materiais diferentes de seu controlador, disse Thomas Sedran, presidente-executivo interino da companhia.

"A GM tem exigências globais para peças e componentes que são incomuns na indústria", afirmou o executivo ao jornal Tagesspiegel nesta sexta-feira (5). "O fornecedor só pode atender a esses requisitos se usa materiais caros".

Mais Carros