Carros

Honda suspende produção na China por 2 dias após protestos

Nick Edwards

Da Reuters, em Pequim (China)

17/09/2012 09h03

A Honda vai suspender a produção na China por dois dias a partir de 18 de setembro, após protestos anti-Japão deflagrados em todo o país no último fim de semana, em resposta a uma disputa territorial entre Tóquio e Pequim.

A porta-voz da Honda, Natsuno Asanuma, disse à Reuters que a companhia japonesa suspenderá a produção entre 18 e 19 de setembro em duas fábricas na cidade de Guangzhou, no sul do país, e Wuhan, na região central.

As fábricas, administradas com parceiras chinesas, têm capacidade para produzir 820 mil carros por ano, disse Asanuma.

"Decidimos suspender a produção por dois dias, na sequência de tensões entre China e Japão", afirmou. "Nossos revendedores não estão em condições de receber novos veículos atualmente", acrescentou, referindo-se a ataques contra algumas lojas no final de semana.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo