Topo

Carros

Mercedes-Benz garante empregos em fábrica no ABC até fim de janeiro

Alberto Alerigi Jr.<br>Diogo Ferreira Gomes

Da Reuters, em São Paulo (SP)

12/09/2012 08h49

A fábrica de caminhões e ônibus da Mercedes-Benz em São Bernardo do Campo (SP) fez acordo com sindicato que garante emprego até o fim de janeiro de 2013 para cerca de 13 mil funcionários da unidade, em meio à forte queda nas vendas de veículos comerciais neste ano.

Além disso, o acordo na véspera reduz durante esse período a jornada de trabalho de cinco para quatro dias por semana sem redução de salários, afirmou em comunicado nesta quarta-feira o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

O acordo, que também congela concessão de reajustes salariais na fábrica até o fim de janeiro, acontece diante da campanha salarial de metalúrgicos deste ano e depois que a montadora voltou a parar produção no início deste mês para se ajustar à demanda.

Nos primeiros oito meses do ano, as vendas de caminhões despencaram 19% enquanto as de ônibus registraram queda anual de 9,6%. Já a produção acumula queda de 40% para caminhões e de 28% para ônibus.

"Este acordo é também um sinal muito positivo de confiança na retomada da produção de caminhões e da economia no ano que vem", disse o presidente do sindicado, Sérgio Nobre, no comunicado.

A região do ABC produz 55% de todos os caminhões fabricados no país, segundo o sindicato, e além da fábrica da Mercedes-Benz possui unidades produtoras de veículos comerciais da Ford e da Scania.

Mais Carros