Topo

Carros

Comprador usará ativos da Saab para produzir veículos elétricos

AFP
Imagem: AFP

Patrick Lannin

Da Reuters, em Estocolmo (Suécia)

03/09/2012 08h25

O empresa compradora da Saab fechou, nesta segunda-feira (3), o acordo para adquirir a maioria de seus ativos -- mais um passo para avançar seus planos de produzir veículos elétricos. A empresa, porém, disse que não poderá usar o logotipo da fabricante sueca.

A Saab, que produz carros desde 1947, entrou em concordata no final de 2011, menos de dois anos após a General Motors vender a companhia para o grupo de carros esportivos holandês Spyker.

A National Eletric Vehicle Sweden AB (NEVS), compradora da Saab que irá basear seus carros elétricos nos veículos da fabricante, disse que a conclusão da compra iria acelerar o processo para o início da produção.

"Em cerca de 18 meses, planejamos apresentar nosso primeiro veículo elétrico com base nas tecnologias do Saab 9-3 e uma nova tecnologia elétrica de motorização", disse o presidente de conselho da NEVS Karl-Erling Trogen, em comunicado nesta segunda.

A NEVS pretende fabricar carros para o mercado chinês, uma vez que as autoridades do país investem bastante em veículos elétricos.

A finalização do negócio, incluindo a fábrica principal, veio após a NEVS chegar a um acordo com a fabricante de caminhões Scania e com o grupo de defesa e aerospacial Saab em não usar o símbolo da montadora, embora possa utilizar o nome Saab.

Com Redação

Mais Carros