Topo

Carros

Nissan quer dobrar uso de peças comuns nos próximos carros

Divulgação
March (Micra em alguns mercados) é exemplo de carro que pode ter maior compartilhamento Imagem: Divulgação

Em Atsugi (Japão)

27/02/2012 09h50

A Nissan Motor disse nesta segunda-feira (27) que mudará a maneira de desenvolver carros e passará a usar peças comuns em diferentes segmentos, o que cortará os custos em quase 30% e ajudará a compensar os altos custos de montagem.

A segunda maior montadora do Japão afirmou que o novo conceito de engenharia dobrará o número de peças comuns na próxima geração de veículos, para cerca de 80%. Os primeiros carros dessa nova linha estarão prontos em 2013, de acordo com a fabricante.

O vice-presidente corporativo, Hideyuki Sakamoto, disse que a estratégia ajudará a Nissan a usar peças comuns em 1,6 milhão de veículos, ante os 50 mil a 200 mil atualmente. Ele afirmou que a Nissan planeja eventualmente atingir o mesmo de volume da Volkswagen, pioneira no setor automotivo no uso de peças comuns.

Os executivos da Nissan disseram que o sistema poderá de alguma forma ser compartilhado com a Renault, mas não deram detalhes.

Mais Carros