Carros

Greve de caminhoneiros leva Fiat a suspender produção na Itália

23/01/2012 16h43

MILÃO, 23 Jan (Reuters) - As quatro fábricas da Fiat na Itália vão suspender a produção a partir da próxima terça-feira, devido a uma greve de caminhoneiros em protesto contra as medidas de austeridade anunciadas pelo primeiro ministro, Mario Monti.

"A produção vai ser paralisada a partir da terça-feira nas unidades Melfi, Cassino, Pomigliano e Sevel", disse um porta-voz nesta segunda-feira.

Caminhoneiros bloquearam rodovias que cortam a Itália em oposição à elevação da taxação sobre combustíveis e reformas econômicas que visam aumentar a competição em mercados protegidos.

Os caminhoneiros bloquearam saídas de rodovias em várias partes do país, incluindo a sede da Fiat, em Piedmont. As fábricas da Fiat que foram afetadas estão na região central e ao sul do país.

(Por Jennifer Clark)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo