Carros

Scania vê desaceleração da demanda, lucro cai 11% no 3o tri

21/10/2011 09h48

ESTOCOLMO (Reuters) - A fabricante de caminhões sueca Scania registrou uma queda de 11 por cento no lucro operacional do terceiro trimestre e viu uma desaceleração da demanda em algumas regiões, principalmente no sul da Europa, mas também no Oriente Médio.

"Os clientes tornaram-se hesitante em fazer encomendas, principalmente devido à expectativa de menor atividade econômica", afirmou nesta sexta-feira a Scania, controlada pela Volkswagen e em negociações de fusão com a concorrente MAN.

No terceiro trimestre, o lucro operacional da companhia caiu para 3 bilhões de coroas suecas (451 milhões de dólares), em linha com a previsão de uma pesquisa da Reuters.

A Scania disse que, de forma geral, as entregas se mostraram em um nível satisfatório durante os primeiros nove meses de 2011, especialmente na América Latina, Oriente Médio, Rússia e norte da Europa.

A empresa disse ainda que continua sendo necessária a substituição dos veículos no mercado europeu, devido ao envelhecimento da frota, acrescentando: "em função da situação econômica incerta, a Scania está preparada para tomar medidas se a demanda for ainda mais prejudicada."

A empresa também prevê incertezas quanto à demanda no Brasil durante o primeiro semestre de 2012, devido à introdução de caminhões de acordo com novas normas de emissões.

(Por Patrick Lannin)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo