Carros

Produção de veículos no Brasil cai em junho, mas vendas no semestre sobem 9%

Rodolfo Barbosa

Em São Paulo

12/07/2010 11h58

A indústria brasileira de veículos produziu 306,4 mil unidades em junho, volume 5% menor do que o registrado em maio, divulgou nesta segunda-feira (12) a Anfavea, associação representante das montadoras. Na comparação com junho de 2008, houve uma alta de 7,7%.

As vendas de veículos, comerciais leves, ônibus e caminhões no Brasil foram de 262,8 mil unidades em junho, o que representa uma alta de 4,6% contra maio e queda de 12,5% ante junho do ano passado.

No acumulado do primeiro semestre, as vendas de veículos novos no mercado interno totalizaram 1,58 milhão de unidades e a produção atingiu 1,75 milhão de unidades, altas de 9% e de 19,1% contra os seis primeiros meses de 2009.

QUATRO GRANDES
A Fiat permaneceu na liderança do mercado brasileiro em junho, com vendas de 60,2 mil unidades de automóveis e comerciais leves, contra 54,9 mil unidades em maio. A Volkswagen, em seguida, comercializou 52,2 mil unidades nas mesmas categorias em junho, abaixo das 54,6 mil unidades de maio.

A GM registrou vendas de 49 mil automóveis e comerciais leves em junho, que se comparam ao total de 46,5 mil unidades em maio. A Ford teve vendas de 24,4 mil unidades em junho, ante quase 20 mil unidades em maio.

MAQUINÁRIO
As vendas de máquinas agrícolas no Brasil em junho atingiram 6.059 unidades, queda de 5% em relação a maio, mas uma alta de 42,8% ante o mesmo mês do ano passado. De janeiro a junho, o setor vendeu 34.982 unidades, crescimento de 51,7% contra o mesmo período do ano passado.

Em junho, a produção de máquinas atingiu 7.676 unidades, queda de 4,7% sobre maio e um salto de 88,8% em relação a junho de 2009. Nos seis primeiros meses deste ano, foram produzidas 43.795 unidades, alta de 54,1% na comparação anual.

Foram exportadas em junho 1.609 unidades, declínio de 19,1% sobre maio e alta de 34,3% ante junho do ano passado. De janeiro a junho as vendas externas somaram 8.231 unidades, crescimento de 13,1% sobre igual período de 2009, o que representou uma receita de 953,005 milhões de dólares, 66,2% a mais do que no mesmo período do ano passado.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo