Topo

Carros

Venda de automóveis e comerciais leves cai 5% em outubro

Em São Paulo

03/11/2009 15h49

As vendas de automóveis e comerciais leves novos no Brasil em outubro recuaram 5% em relação ao recorde histórico de setembro, que foi o último mês de vigência para o desconto completo do IPI concedido pelo governo.

Segundo fontes consultadas pela Reuters, as vendas de carros e comerciais leves (esta última categoria correspondendo a veículos como picapes e furgões) somou 281,3 mil no mês passado ante 296,6 mil unidades em setembro e 224,7 mil em outubro de 2008.

No acumulado do ano, as vendas seguem acima do registrado no mesmo período de 2008: 2,49 milhões de unidades contra 2,32 milhões, informaram as fontes.

A associação que representa os concessionários de veículos do Brasil, Fenabrave, divulga balanço com os números de vendas na quarta-feira e a entidade que agrupa as montadoras, Anfavea, consolida o quadro do setor na próxima segunda-feira, com dados de produção e exportações.

A Fiat registrou vendas 67,9 mil automóveis e comerciais leves em outubro, ante 69,9 mil unidades em setembro.

Enquanto isso, a Volkswagen vendeu 59,1 mil unidades depois de comercializar 65,6 mil no mês anterior.

A General Motors, com sua marca Chevrolet, registrou vendas de 55,3 mil veículos e a Ford somou 28 mil unidades. (por Alberto Alerigi Jr.)

Mais Carros