Topo

Testes e lançamentos


Chefão da FCA revela que Ram vai lançar nova picape média

Jonathan Knight/AFP
CEO da FCA quer lançar picape abaixo da consagrada 1500 Imagem: Jonathan Knight/AFP

2019-05-06T12:14:13

06/05/2019 12h14

Resumo da notícia

  • Mike Manley disse que modelo preencheria lacuna no portfólio da marca
  • Executivo afirmou que Jeep Gladiator não pode exercer este papel
  • FCA descontinuou Fiat Fullback, clone da Mitsubishi L200 Triton

A Ram está desenvolvendo uma nova picape média para vários mercados do mundo. Foi o que revelou o CEO da FCA (Fiat Chrysler Automobiles), Mike Manley.

"A equipe (da Ram) está focada em propor uma solução para o segmento de picapes médias, tanto por ser uma parte significativa de nosso portfólio como para fazer as vendas crescerem", declarou, em entrevista à agência "Automotive News".

"Nosso maior desafio neste momento é encontrar uma plataforma de custo acessível que possa ser feita em uma região favorável do ponto de vista financeiro e que ainda seja adequada às condições do mercado", afirmou Manley em uma conferência para discutir os resultados da FCA no trimestre.

"Honestamente, quero resolver esse problema porque claramente temos uma lacuna em nosso portfólio. E ela não será preenchida pela (Jeep) Gladiator porque ela é um modelo com uma missão totalmente diferente. Confie em mim, eles (engenheiros da Ram) estão realmente empenhados nisso (projeto de nova picape) e vamos acabar com isso o quanto antes", assegurou.

Mais picapes: uma sai, outra pode vir

Na semana passada, a FCA decretou o fim da Fiat Fullback. A picape era um clone da Mitsubishi L200 Triton apenas com os logotipos da marca italiana e saiu de cena por causa das baixas vendas.

Já no Brasil a Ram ensaia há tempos o lançamento da 1500, que esteve até no último Salão do Automóvel de São Paulo. Sua estreia, inclusive, pode acontecer no segundo semestre deste ano. Em fevereiro, o presidente da FCA para América Latina e Brasil, Antonio Filosa, prometeu a picape para o terceiro ou quarto trimestres.

O executivo disse que a 1500 vai "atender um segmento de nicho", com baixo volume, já que será importada do mercado norte-americano. Além dela, a FCA ainda estuda a fabricação local de uma picape Ram de porte médio, "um projeto desejado, mas o mais difícil de todos", segundo Filosa.

Mais Testes e lançamentos