Topo

Seu Automóvel


Seu Automóvel

Toyota Corolla é o carro mais vendido do mundo em 2018; veja ranking

Do UOL, em São Paulo (SP)

2019-01-23T07:00:00

23/01/2019 07h00

Sedã da Toyota foi o carro mais vendido do mundo; entre as marcas, Grupo Volks fica na frente de Toyota e Renault-Nissan-Mitsubishi

Segundo levantamento mais recente da consultoria Focus 2 Move, o Toyota Corolla foi o carro mais vendido no mundo em 2018 -- de acordo com os dados, foram 995.356 unidades, praticamente 1 milhão de veículos vendidos em todo o planeta.

A segunda posição ficou com as picapes Ford Série F, com um total de 891.776 exemplares. Vale lembrar que a picape é o carro mais vendido dos Estados Unidos há décadas

Na terceira posição está o Honda Civic, que vendeu mundialmente 696.224 carros. A quarta colocação ficou com o Toyota RAV-4 (694.822); a quinta com o Volkswagen Golf (672.023); Volkswagen Tiguan em sexto (660.662), Polo em sétimo (611.567), Honda CR-V em oitavo (591.630), Toyota Camry em nono (559.100) e Chevrolet Silverado (532.070) na décima posição.

As marcas mais vendidas

Já entre as marcas, o Grupo Volkswagen, que engloba Volks, Audi, Bentley, Bugatti, Lamborghini, Porsche, Seat e Skoda, vendeu 10.830.625 veículos globalmente no ano passado -- acréscimo de 2,2% em relação a 2017.

A segunda posição ficou com a Toyota, que somando as vendas de Lexus, Daihatsu e Scion chegou a 10.520.655 unidades -- outro crescimento de 2,2%. Já a aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, que ainda inclui Lada, Dacia, Datsun, Infiniti, Samsung, CMC e ZNA, cresceu 1,3% e chegou a 10.360.992 exemplares comercializados.

Os três grupos citados são responsáveis por mais de 30% dos veículos que foram às ruas no ano passado. Em números, a Volks ficou com 11,4% de participação mundial; Toyota com 11,2% e Renault-Nissan-Mit com 10,9%. A pesquisa da Focus2Move inclui automóveis e comerciais leves.

Na quarta posição, a General Motors, que inclui Baojun, Buick, Cadillac, Chevrolet, GMC, Holden, Ravon e Wuling, vendeu 8.786.987 unidades em 2018. Esse volume representa queda de 2% em relação a 2017 -- e deixa a GM com 9,2% da participação mundial. A Hyundai, que inclui Kia e Genesis, cresceu 3,2%, o maior volume entre os dez primeiros, e chegou a 7.507.945 veículos, 7,9% do total de vendas mundial.

Nova geração do Corolla

UOL Carros

Mais Seu Automóvel