Topo

Testes e lançamentos


Volkswagen Amarok Trendline "vira" Comfortline e parte de R$ 168.600

Divulgação
Nova versão traz itens como ar digital, frenagem pós-colisão e protetor de caçamba Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

26/12/2018 11h44

Picape custa quase R$ 10 mil a mais, mas oferece mais conteúdo; motor é o mesmo 2.0 turbodiesel de 180 cv

A Volkswagen trouxe uma discreta (porém importante) novidade para a linha Amarok. Conforme publicado pelo site da revista "Quatro Rodas", a picape ganhou a nova versão Comfortline em substituição à antiga Trendline.

Se a boa notícia é que ela vem mais equipada, a má é que ela cobra (muito) por isso: quase R$ 10 mil -- R$ 9.910, para ser mais exato. Sendo assim, a Amarok Comfortline custa R$ 168.600, contra os R$ 158.690 da antecessora.

Veja preços e versões da linha 2019 da Amarok:

+ Amarok 2.0 TDI S Cabine Simples: R$ 122.990

+ Amarok 2.0 TDI SE Cabine Dupla: R$ 148.610

+ Amarok 2.0 TDI Comfortline Cabine Dupla: R$ 168.600

+ Amarok 2.0 TDI Highline Cabine Dupla: R$ 183.990

+ Amarok V6 Highline Cabine Dupla: R$ 191.990

+ Amarok V6 Extreme Cabine Dupla: R$ 201.990

Mais recheada

A lista de itens de série da Amarok Comfortline oferece mais conteúdo, incluindo alguns equipamentos da configuração Highline, como protetor de caçamba, ar-condicionado digital de duas zonas de temperatura, frenagem automática pós-colisão, coluna de direção com regulagem de altura e profundidade, para-barros nas caixas de rodas, para-choque traseiro com estribo integrado e bancos revestidos parcialmente em couro.

A picape ainda traz controles de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampas e declives, faróis do tipo biparábola, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, banco do motorista com regulagem de altura, vidros elétricos, travas elétricas, banco traseiro basculante, central multimídia com tela tátil de 6,5 polegadas e suporte a Android Auto e Apple CarPlay, espelhos retrovisores com regulagens elétricas, volante multifuncional, manoplas de câmbio e do freio de estacionamento revestidas em couro, chave do tipo canivete, rodas de liga leve de 17 polegadas e luzes diurnas em LED e faróis de neblina com luz de conversão estática.

Nada mudou no motor 2.0 turbodiesel de 180 cv e 42,8 kgfm de torque máximo, associado ao câmbio automático de oito marchas com opção de troca sequenciais. A tração é integral com bloqueio eletrônico de diferencial.

Divulgação
Para-choque traseiro traz estribo incorporado Imagem: Divulgação

Mais Testes e lançamentos