Topo

Carros elétricos


Tesla Model 3 vai custar R$ 314 mil na Europa; vendas começam em fevereiro

Joe White/File Photo/Reuters
Imagem: Joe White/File Photo/Reuters

Ricardo Ribeiro

Colaboração para o UOL, em Lisboa

13/12/2018 12h10

Como nos EUA, marca prioriza versões de topo e interessado no "basicão" leva chá de cadeira 

A Tesla anunciou os preços oficiais e a data de chegada do Model 3 na Europa. Os planos foram anunciados em Portugal, proporcionalmente uma das maiores redes de recarga da Europa e com subsídios para a compra de elétricos, dando o tom da estratégia da marca no continente.

Conforme antecipado por UOL Carros, o Model 3 começará a ser entregue pelas versões de topo, com maior autonomia, mais potência... e preço maior, a partir de fevereiro de 2019. A reportagem participou, no início do mês, de uma apresentação onde testou os principais equipamentos do veículo. 

Inicialmente, estarão disponíveis aos portugueses as duas opções Long Range, ambas com bateria de 75 kWh, tração integral e dois motores.

A versão Long Range AWD sairá por por 60.200 euros (R$ 265 mil). A potência combinada é de 354 cv e, segundo a Tesla, faz de 0 a 100 km/h em 4,5s. A  autonomia prometida é de até 544 km.

Já a Long Range Performance custará 71.300 euros (R$ 314 mil). Mais focada na esportividade, entrega 450 cv e atinge 100 km/h em 3,3 segundos - números da nova geração do Porsche 911. A autonomia cai para 530 km. Inclui rodas 20", spoiler de fibra de carbono e pedais de alumínio.

O modo de condução semi-autônoma "Autopilot" será vendido por 5.400 euros (R$ 23,7 mil). Cores especiais vão de 1.600 a 2.700 euros (R$ 7.000 a R$ 12 mil). A Long Range, que tem rodas 18", pode calçar esportivas 19" com 1.600 euros (R$ 7.000) extras.

Cadê o "basicão"?

No entanto, assim como nos EUA e no Canadá, a Tesla também ainda ficará devendo o mais revolucionário do modelo na Europa. É que o Model 3 nasceu para ser uma porta de acesso ao mundo (ainda caro) dos veículos elétricos, mas não há previsão de chegada para as versões mais em conta. 

Mesmo no país da marca, onde há preços definidos, clientes não conseguem levar a Standard (US$ 35 mil) ou a Mid-range (US$ 46 mil). Na Europa, a prioridade de entrega também é por ordem de chegada no sistema de pré-venda.

Mesmo com atrasos nas entregas nos EUA, a Tesla aposta no mercado europeu, uma vez que o subsídio do governo americano para compra de elétricos acaba em 31 de dezembro, o que deve levar a uma queda gradual das vendas no país.

Mais Carros elétricos