Topo

Salão de São Paulo

Por que o novo Suzuki Jimny é o carro mais simpático do Salão de SP?

Siga o UOL Carros no

Vitor Matsubara e André Deliberato

Do UOL, em São Paulo (SP)

10/11/2018 08h00

Jipinho ganha sobrenome Sierra e será lançado no segundo semestre de 2019

Um simpático jipinho desponta como forte candidato a sensação do Salão de São Paulo 2018. O novo Suzuki Jimny debuta no Brasil no início do segundo semestre de 2019 e custará aproximadamente 20% a mais que o modelo atual. Ou seja, pode esperar algo em torno de R$ 80 mil a R$ 100 mil.

Justamente por isso é que a Suzuki não pretende "matar" o Jimny atual, vendido na faixa de R$ 70 mil a R$ 80 mil.

Com sobrenome próprio, o Jimny Sierra será vendido no país em três versões de acabamento, sendo a mais barata com transmissão manual de cinco marchas e as duas restantes com opção de câmbio automático de quatro marchas.

Veja mais

+ Territory: como é o SUV da Ford que vem encarar o Compass
+ Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
+ Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
+ Instagram oficial de UOL Carros
+ Siga UOL Carros no Twitter

O motor da nova geração é um 1.5 de 108 cv, que pode ser abastecido apenas com gasolina.

O design foi totalmente repaginado, mas preserva identidade "clássica" como seu antecessor. Os faróis redondos permanecem contrastando com o visual quadradinho.

A grade com cinco barras horizontais ainda tem cara de Jeep, mas agora o Jimny está mais para um "mini Classe G". Atrás, o design remete ao antigo Jimny dos anos 90, vendido aqui como Samurai.

Por dentro

O interior é bastante acanhado, mas representa um salto de modernidade em relação ao seu antecessor. Há central multimídia com tela tátil e volante multifuncional, mas os comandos dos vidros ficam no console central. Espaço é suficiente apenas para quatro pessoas e o porta-malas está mais para porta-luvas, de tão pequeno.

Porém, verdadeiros jipeiros não estão nem aí para esses detalhes. Até porque capacidade off-road ele tem de sobra: o Jimny vem com tração 4x4 com caixa reduzida e bons ângulos de entrada e saída, além de uma respeitável altura livre do solo.

Vitara muda

Além do novo Jimny, o Vitara também ganhou uma leve reestilização, com novos faróis com LED, grade redesenhada, novos para-choques e lanternas. Não houve mudanças no conjunto mecânico, que traz um moderno motor 1.4 turbo.

Mais Salão de São Paulo