Topo

Testes e lançamentos

Superesportivo McLaren Senna vai estar no Salão do Automóvel de São Paulo

Divulgação
Dos 500 veículos fabricados, apenas três unidades serão importadas para o Brasil Imagem: Divulgação

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

18/09/2018 15h51

Bólido de 800 cv homenageia tricampeão mundial e vai custar R$ 8 milhões no Brasil

O Salão do Automóvel de São Paulo abre suas portas para o público apenas em novembro, mas a McLaren já surge como forte candidata a sensação do evento. Tudo por causa de um modelo bastante icônico para nós: McLaren Senna.

O superesportivo de R$ 8 milhões foi batizado em homenagem a Ayrton Senna e será exibido pela primeira vez no país, em um estande na área VIP ("Dream Lounge"). A presença do modelo foi confirmada nesta terça-feira (18) por Bianca Senna, CEO da marca Senna e sobrinha do tricampeão mundial.

Veja mais

+ McLaren abre loja no Brasil para vender carros de até R$ 8 mi
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram oficial de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

O bólido vai dividir espaço com outra joia para os fãs de Senna: o bólido de F-1 McLaren MP4/5, com o número 27, que o brasileiro ganhou da equipe após vencer o GP de Monza de 1990.

"Estamos muito felizes de poder trazer este carro ao Brasil para que os fanáticos por carro e fãs de Ayrton Senna possam vê-lo mais de pertinho. Durante todo este ano fizemos eventos para mostrar o carro ao redor do mundo, e o Salão do Automóvel não poderia faltar", afirma Bianca.

O Senna é o carro de rua mais rápido já produzido pela McLaren Automotive. Dados divulgados pela fabricante indicam aceleração de 0 a 200 km/h em meros 6,8 segundos e velocidade máxima de 340 km/h. Seu motor é um 4.0 V8 biturbo com 800 cv e torque máximo de 81,6 kgfm. O projeto foi desenvolvido com a ajuda de Bruno Senna, piloto de fábrica da McLaren e sobrinho de Ayrton.

"O McLaren Senna honra o meu tio por ser absolutamente focado no piloto e em sua conexão total com o veículo. Esse engajamento, essas pistas sensoriais às quais o motorista responde e das quais ele depende, toda a experiência imersiva, estiveram no centro do desenvolvimento", declarou Bruno.

Fórmula 1 de rua

O superesportivo tem várias tecnologias vindas das pistas de corrida, como carroceria de monocoque feito de fibra de carbono, suspensão ativa e vários elementos aerodinâmicos ativos, incluindo a asa dupla traseira.

Segundo a McLaren, todas as 500 unidades já foram vendidas. Três delas serão trazidas para o Brasil, sendo que a primeira unidade deve desembarcar no país até o fim do primeiro semestre de 2019.

Mais Testes e lançamentos