Topo

Carros elétricos

Lexus NX agora só em versão híbrida de 194 cv, partindo de R$ 229.670; veja

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

13/09/2018 11h00Atualizada em 13/09/2018 17h14

NX 300h "mata" venda da configuração só a gasolina no Brasil, seguindo estratégia global da marca

A Lexus apresenta nesta quinta-feira (13) seu segundo modelo híbrido importado para o mercado brasileiro. Trata-se do NX 300h. Mas há um detalhe extra: esta configuração híbrida do SUV médio de luxo, que responde pela linha 2019, vai substituir totalmente a configuração atual, que usava apenas o motor a gasolina (primeiro o NX 200, depois NX 300).

Este diretriz segue o padrão global da Lexus, que vai focar suas ações na formação de uma linha de modelos eletrificados. No Brasil, já são vendidos o hatch CT 200h (que compartilha base com o Toyota Prius, já testado por UOL Carros) e o sedã médio-grande LS 500h, de R$ 700 mil.

Voltando ao SUV, o NX 300h vem para cá em três versões de acabamento -- Dynamic, Luxury e F-Sport-- partindo de R$ 229.670, para concorrer com utilitários do segmento premium -- sendo seu principal rival o Volvo XC60 versão T8 Hybrid, lançado em pré-venda também neste mês a R$ 299.950. Mas também haverá concorrência com BMW X3 e Audi Q5, entre outros.

Meta de vendas para 2018 é de 950 unidades, ampliando bem a participação da marca premium da Toyota no mercado e referenciando o NX como seu best seller. De janeiro a agosto, a Lexus emplacou 471 unidades, sendo que o NX (até então só a combustão) teve 253 unidades (53,7% do total).

Veja mais

Volvo XC60 híbrido chega ao Brasil por R$ 299.950
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram oficial de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

O que ele tem

Confira abaixo a lista de itens de série de cada versão:

+ Lexus NX 300h Dynamic: R$ 229.670

Oito airbags, ganchos para fixação de cadeirinhas Isofix, volante multifuncional, computador de bordo com tela de TFT de 4,2 polegadas, direção elétrica progressiva, controle de velocidade de cruzeiro, retrovisor interno eletrocrômico, espelhos retrovisores com regulagem elétrica, rebatimento automático e aquecimento, faróis de neblina com luzes direcionais (que acompanham o movimento do volante), ar-condicionado digital com duas zonas de temperatura, destravamento das portas sem chave, partida do motor por botão, bancos dianteiros com regulagens elétricas, sensor de chuva e rodas de liga leve de 18 polegadas.

+ Lexus NX 300h Luxury: R$ 240.110

Todos os itens da Dynamic mais luzes de seta sequenciais, central multimídia com tela de 10,3 polegadas, porta-malas com abertura elétrica (por botão ou gestos), bancos dianteiros com regulagens elétricas para lombar e memórias de posição, bancos dianteiros e traseiros com aquecimento e refrigeração nos dianteiros, função Return&Away (que afasta o banco e eleva o volante para facilitar entrada e saída do motorista), sistema de aquecimento nos bancos, rebatimento elétrico do encosto do banco traseiro e teto solar elétrico com acionamento por um toque.

+ Lexus NX 300h F-Sport: R$ 260.990

Todos os itens da Luxury mais head-up display (projetando informações de condução no para-brisa), bancos dianteiros com aquecimento e ventilação, suspensão adaptativa e carregador por indução para smartphone.

Agora é híbrido e tem modo 100% elétrico

Três motores impulsionam o NX  que será vendido a partir de agora: um 2.5 de quatro cilindros movido a gasolina com 155 cavalos e 21,4 kgfm de torque máximo; um motor elétrico síncrono de ímã permanente, para as rodas dianteiras, com 143 cv e 27,5 kgfm, além de função de renegeração de energia; outro elétrico para as rodas traseiras, de 67 cv e 14 kgfm, também regenerativo.

De acordo com a fabricante, o sistema varia a potência entre o motor a gasolina e o elétrico, alternando ou combinando os dois, conforme necessário. Juntos, os três motores mais o gerador entregam uma potência combinada de 194 cv -- até comedida considerando todo o equipamento.

Há seletor de modos de condução (Normal, Eco e Sport) com uma opção 100% elétrica, recomendado para curtos trajetos em baixas velocidades. Apenas a versão F-Sport acrescenta um quarto modo chamado Sport+, que atua juntamente com a suspensão ativa para reforçar a sensação de dirigibilidade esportiva.

O SUV também sai de fábrica com tração integral, por conta da motorização por eixos, que direciona o torque para duas ou quatro rodas conforme necessidade para melhorar a tração em pisos de diferentes aderências.

Há também o sistema de assistência ativa em curvas (ACA), que regula a força da direção entre os eixos dianteiro e traseiro para realizar curvas mais ou menos fechadas. Segundo a Lexus, isso melhora a estabilidade e o controle, além de aprimorar a eficiência do veículo, uma vez que as "rodas recebem apenas a força extra quando necessário".

Tudo igual

O design ousado repleto de vincos pela carroceria não foi alterado na linha 2019. Estão lá elementos já conhecidos, como a grade frontal "Spindle" e as lanternas com luzes em formato de "L".

A linha de acessórios traz 12 itens, como frisos laterais, estribos, soleiras nas portas e porta-malas e capa para chave. São nove opções de cores (Branco Sônico, Preto Grafite, Preto Clássico, Cinza Mercúrio, Cinza Titânio, Prata Platinum, Vermelho Coral, Marrom Âmbar e Azul Meteoro), sendo que a versão F-Sport pode ser encomendada em outras três tonalidades exclusivas: Branco Super Nova, Azul Olímpio e Laranja Lava.

Já as cores internas são bege, preta e ocre nas versões Dynamic e Luxury. Na F-Sport, as opções de cores são branca com preto, preta ou vermelha com preto.

Mais Carros elétricos