Topo

Testes e lançamentos

Nissan Frontier feita na Argentina vai ter novas versões Attack e XE

Fernando Miragaya/UOL
Versão XE é uma das novidades saídas da fábrica de Córdoba Imagem: Fernando Miragaya/UOL

Fernando Miragaya

Colaboração para o UOL, de Córdoba (Argentina)

31/07/2018 04h00

Preço da configuração mais cara deve passar dos R$ 180 mil

O início da produção da Frontier na Argentina também vai aumentar o leque de versões da picape no Brasil.

Haverá uma nova topo de linha, a XE 4x4, e também a Attack, com apetrechos mais lameiros. Ambos os modelos estreiam no mercado brasileiro entre outubro e novembro.

Veja mais

Nissan renova X-Trail enquanto avalia venda no Brasil
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter


Elas se juntarão às configurações SE (R$ 152.390) e LE (R$ 169.700), até então importadas do México.

Todas saem de fábrica com o motor 2.3 biturbodiesel originalmente feito pela Renault e importado da França.

O propulsor gera 190 cv e 45,9 kgfm de torque, associado à transmissão automática de sete marchas e tração 4x4.

Visual mais requintado

Uma picape XE estava exposta no evento de inauguração da fábrica de Córdoba -- onde a picape será feita. Tem cromados nas molduras dos faróis de neblina, nas maçanetas e nas capas dos retrovisores, estes com luzes de seta integradas.

Estribos, para-barros e pneus 255/70 R16 de uso fora-de-estrada fazem parte do pacote visual.

Não tivemos acesso à cabine da versão, Mas, por fora, podemos observar botão de partida sem chave, central multimídia, revestimento de couro e descansa braço traseiro com porta-copos.

A Frontier 2019 já passou pela avaliação do Inmetro. O consumo ficou em 9,2 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada. O preço da versão XE deverá passar de R$ 180 mil. 

Mais Testes e lançamentos