Topo

Segredos automotivos

Renault "SUV-cupê" sai da toca no exterior; Brasil faz clínicas do modelo

Divulgação
Renault divulga primeiro teasr de seu "SUV-cupê", que já tem produção confirmada na Rússia e segue na mira do Brasil Imagem: Divulgação

Leonardo Felix

Do UOL, em São Paulo (SP)

28/06/2018 04h00

Modelo será revelado em agosto no Salão de Moscou; divisão local "segura" projeto aguardando pelo Rota 2030

Lembra do projeto Renault LJC, que UOL Carros revelou em março deste ano? Pois o "SUV-cupê" resolveu sair da toca antes de ser revelado mundialmente no Salão de Moscou, em agosto -- também conforme antecipado por nossa reportagem.

No começo da semana, a fabricante francesa divulgou o primeiro teaser do modelo, uma imagem ainda escurecida, que deixa enxergar apenas alguns traços da parte dianteira. Na quarta (27), porém, o site "Carscoops" publicou uma ampla galeria de imagens de um protótipo que, se estava bastante camuflado, é verdade, ao menos permitiu ter uma noção mais clara do que vem por aí.

Enquanto o teaser revela que o "SUV-cupê" seguirá a atual identidade visual europeia da Renault -- assinaturas em LED dos faróis invadindo o para-choque na forma de "C," além de divisórias pontilhado-horizontalizadas tanto na grade, quanto na tomada de ar inferior -- o flagra aponta que o crossover terá porte de SUV, quatro portas e muitos músculos.

Praticamente um "SUV-sedã", ao estilo do que a Mercedes-Benz fez com o conceito Maybach Vision Ultimate Luxury.

Veja mais

+ Avaliação "sincerona" do Renault Kwid
+ Mercedes-Maybach "cometeu" um SUV-sedã
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

Que bicho é esse?

No exterior já há quem esteja chamando o veículo de "Captur Coupé", mas UOL Carros tem bons motivos para acreditar que se trata de um produto diferente -- e que, portanto, deve receber outro nome.

Compare nas imagens logo abaixo a altura do capô, o caimento do balanço dianteiro, a silhueta da coluna A e, principalmente, o formato dos vidros laterais dianteiros e o posicionamento dos retrovisores externos. São substancialmente diferentes das peças usadas no Captur -- e mesmo no modelo alongado europeu, o Kadjar.

Tudo isso, aliado aos traços dianteiros já revelados pela própria Renault, indicam que não há tanta sinergia assim entre os projetos -- salvo uma também próxima reestilização do próprio Captur, caso ela seja profunda.

Porção traseira é bastante esticada e deixa a sensação de que o modelo terá porte maior que o de Captur e Duster, ficando próximo dos 4,42 metros de comprimento e do 1,82 metro de largura do Jeep Compass.

Carscoops
"SUV-cupê" camuflado da Renault flagrado de vários ângulos: inspiração no BMW X4 é latente Imagem: Carscoops

BMW X4, é você?

Caimento do teto e tampa do porta-malas levemente destacada confirmam que o Renault LJC será realmente inspirado em crossovers de marcas de luxo, como BMW X4 e Mercedes-Benz GLC Coupé. Ideia da marca é ser pioneira no lançamento da proposta entre montadoras generalistas.

Produção na fábrica da Renault na Rússia (a mesma do Kaptur) já está ratificada, e lançamento do LJC com nome definitivo deve ocorrer no início de 2019. Por lá espera-se a utilização de motor 1.3 turbo da família TCe, que pode render 116, 140 ou até 160 cv, sendo aliado a câmbio manual ou automatizado de dupla embreagem.

Murilo Góes/UOL
Observe altura do capô, ângulo de inclinação da coluna A, linhas das portas e dos vidros laterais dianteiros e, especialmente, posição dos retrovisores externos do nosso atual Captur: pouco se assemelham aos componentes do SUV-cupê flagrado Imagem: Murilo Góes/UOL

Mas e o Brasil?

Segundo as últimas informações consultadas por nossa reportagem junto a fontes, o LJC ainda não está confirmado para o Brasil, muito por conta da indefinição do "Rota 2030". Enquanto não houver definição das novas políticas do país para a indústria automotiva o projeto seguirá congelado.

Mesmo assim, UOL Carros apurou que a Renault já pratica clínicas de seu "SUV-cupê" com consumidores locais desde o ano passado. Uma das fontes confirmou, inclusive, que o modelo de argila apresentado aos clientes tinha visual bem semelhante ao do teaser que abre esta reportagem, mas sem os LEDS em gancho.

Tudo somado, "SUV-cupê" da Renault não deve ser lançado aqui antes de 2020. Quando surgir, pode estar usando o motor 1.3 turbo, porém preparado para ser flex. Mais realista, porém, é a unidade 2.0 SCe aspirada a ser estreada pela nova geração do Duster no ano que vem. Transmissão seria do tipo CVT.

Mande flagras por e-mail ou no nosso novo WhatsApp

Se você fotografar ou filmar um carro diferente e/ou camuflado, envie para UOL Carros, com seu nome completo, RG e/ou CPF, telefone, cidade de residência e local do flagra. A critério da Redação, elas podem ser publicadas, sempre com o devido crédito ao autor. Não há remuneração.

UOL Carros também usa o WhatsApp como forma de receber suas imagens: basta adicionar o +55 11 9-7670-4028. Segue válida a forma por e-mail uolcarros@uol.com.br.

Mais Segredos automotivos