Topo

Testes e lançamentos

Jaguar I-Pace estreia na Europa ainda sem data para vir ao Brasil

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

02/03/2018 04h00

Primeiro elétrico da marca tem 394 cv e autonomia de até 480 km

O terceiro SUV da Jaguar -- e primeiro movido a eletricidade -- já é realidade. A marca apresentou nesta quinta-feira (1º) o I-Pace, modelo que será a grande atração da marca inglesa no Salão de Genebra, que acontece entre os próximos dias 8 e 18 de março.

Depois da apresentação no evento, o I-Pace começa a ser vendido no Reino Unido custando a partir de 63.495 libras esterlinas -- aproximadamente R$ 283.100. Ainda não há previsão de vendas no mercado brasileiro.

O que ele tem

Dois motores elétricos entregam uma potência de 394 cv e 71 kgfm de torque -- que está disponível instantaneamente. Números divulgados pela empresa ainda informam aceleração de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos.

A distribuição de peso foi uma das preocupações dos engenheiros, que colocaram a bateria na posição mais baixa possível entre os eixos, proporcionando distribuição de 50/50 e um centro de gravidade 130 milímetros mais baixo que do F-Pace, reduzindo a rolagem da carroceria nas curvas. Opcionalmente, o I-Pace poderá ser equipado com suspensão pneumática, que rebaixa a altura do veículo em até 10 milímetros acima de 105 km/h, reduzindo o arrasto aerodinâmico.

Veja mais

+ Range Rover Velar é um "protótipo" de R$ 405 mil; assista
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram oficial de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

O sistema de freios convencional foi substituído por um elétrico, combinando frenagem regenerativa com a tradicional. É possível escolher entre os níveis alto ou baixo de travagem regenerativa, sendo que no modo mais extremo dá para conduzir o veículo apenas usando o pedal do acelerador, uma vez que a velocidade do carro diminui conforme o motorista desacelera, reduzindo a dependência do freio.

A autonomia estimada é de até 480 km, sendo que o I-Pace carrega 80% das baterias em 40 minutos utilizando um carregador rápido de 100 kW. Caso a escolha seja por um carregador convencional de 7 kW, a mesma porcentagem de carga é obtida após 10 horas plugado na tomada -- esta situação, inclusive, é indicada para recarga durante a noite. Segundo a Jaguar, as baterias têm vida útil de pelo menos 10 anos.

Divulgação
Jaguar I-Pace ainda não está cotado para o Brasil, mas pode aparecer no Salão do Automóvel de SP, em novembro Imagem: Divulgação

Cara de F-Pace

Os lançamentos mais recentes da Jaguar serviram de inspiração para o I-Pace. Não por acaso, há forte semelhança com F-Pace e E-Pace, os dois SUVs da marca inglesa. Os traços seguem a identidade visual da marca, caracterizada por elementos como os faróis esticados e lanternas afiladas. Os designers da Jaguar afirmaram que desenhá-lo foi uma tarefa prazerosa.

"Desenhar um carro elétrico é mais fácil e mais divertido, pois você tem mais liberdade para brincar com as formas sem se preocupar com outras coisas. Carros convencionais possuem capôs longos para abrigarem motores grandes. Como o I-Pace tem apenas um pequeno motor elétrico entre as rodas dianteiras, conseguimos desenhar um capô mais curto, abrindo mais espaço para passageiros", explica Ian Cullum, diretor de design da Jaguar.

O interior é um pouco diferente que da maioria dos modelos da marca britânica. Mas nota-se a presença de materiais nobres como alumínio e do sistema de entretenimento Touch Pro Duo, controlado por duas telas sensíveis ao toque (de 10 e 5 polegadas) -- como acontece no Range Rover Velar. O painel de instrumentos, aliás, é representado por uma tela de TFT  personalizável.

Veja as diferenças do Evoque brasileiro se comparado ao gringo

UOL Carros

Espaçoso e equipado

O espaço interno é bom, especialmente pela ausência do túnel de transmissão, que permitiu a instalação de um porta-objetos central com 10,5 litros. A fabricante diz que o porta-malas do I-Pace comporta até 656 litros, podendo chegar aos 1.453 l com os bancos traseiros rebatidos.

Serão oferecidas quatro versões de acabamento: S, SE, HSE e First  Edition, sendo esta última concebida especialmente para o lançamento. Rodas de liga leve aro 20, sistema de som Meridian de 380 watts, bancos com regulagens parcialmente elétricas e o Park Pack (que traz assistente de permanência em faixa, câmera de ré, Park Assist e alertas de saída livre e de tráfego traseiro) fazem parte da lista de itens de série da versão mais simples.

Já a First  Edition oferece equipamentos como ar-condicionado com quatro zonas de temperatura, som com 15 alto-falantes, teto panorâmico fixo, piloto automático adaptativo e frenagem de emergência.

Mais Testes e lançamentos