Topo

Segredos automotivos

JAC renasce: SUVs T5 e T40 serão feitos em Goiás, em 2019; veja detalhes

Murilo Góes/UOL
JAC T40 será um dos dois modelos feitos na futura fábrica, ao lado do primo maior T5 Imagem: Murilo Góes/UOL

Leonardo Felix

Do UOL, em São Paulo (SP)

15/12/2017 18h05

Grupo que representa marca no país fechará acordo na próxima semana: serão 35 mil unidades feitas em Itumbiara

A saga da fábrica brasileira da JAC continua. Quase seis anos após enterrar um J3 num terreno de Camaçari (BA) e ser obrigada a desfazer tudo porque não conseguiu cumprir com o cronograma de investimentos, e depois de alugar outro galpão na mesma cidade, a marca desistiu de vez do Nordeste e tentará se instalar no Centro-Oeste brasileiro.

Pelo novo plano, o grupo SHC, representante oficial da marca no país, aproveitará a estrutura que já foi da Suzuki, em Itumbiara (GO). Lá se montava o Jimny, mas o espaço estava desativado desde 2013, quando o jipinho da marca japonesa passou a ser feito em Catalão, também em Goiás, junto com modelos da Mitsubishi.

Veja mais

+ Lifan vai comprar marca norte-americana
+ Marca promete trocar toda a gama por SUVs e até picape
"Esse carro é meu bebê". A curiosa história do nascimento do T40
T40 custou R$ 60 milhões para nascer, mas vale R$ 60 mil?
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram oficial de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

 

História no ar

A notícia de que a JAC vai se apropriar desse terreno deveria ser mantida como sigilo, mas... O prefeito de Itumbiara não se segurou e "deu com a língua nos dentes" em entrevistas dadas a veículos locais de comunicação nesta semana.

Oficialmente o grupo SHC não confirma a informação e evita se manifestar, mas UOL Carros apurou que Habib se reunirá na próxima segunda-feira (18) com o governador de Goiás, Marconi Perillo, para fechar o acordo. Na primeira fase de operação serão fabricados o crossover T40 e o SUV compacto T5.

Ainda segundo nossas fontes, a fábrica terá capacidade para produzir 35 mil veículos anualmente em regime CKD (as peças chegam prontas de fora, ocorrendo apenas a montagem em solo nacional). Ok, é um número ainda distante dos 100 mil previstos para a primeira fábrica de Camaçari, mas pelo menos houve boa evolução ante a capacidade de apenas 20 mil carros, anunciada para o segundo projeto na cidade baiana.

Habib vai investir entre R$ 120 milhões e R$ 130 milhões para comprar o maquinário (que virá da China) e adaptar a linha, que deve ser ativada não antes de 2019

Mais planos

Antes disso, em abril do ano que vem, a JAC deve lançar uma novidade importante: a já anunciada configuração do T40 com câmbio CVT, que também será responsável por estrear o novo motor 1.6 flex com duplo comando de válvulas. Portanto, serão configurações 1.6 CVT de T40 e T5 as que serão montadas localmente (no caso do T5, com direito a facelift).

Ainda como importados, deverão ganhar as ruas em 2018 o "mini-SUV" T20 (derivado do J2), o SUV grande T70 e até uma picape média. Confira aqui os planos da marca em detalhes.

Mais Segredos automotivos