Topo

Carros

Ex-executivo da Volkswagen nos EUA é condenado a sete anos de prisão

Broward County Sheriff
Oliver Schmidt, ex-gerente da Volkswagen responsável pela inspeção de emissões, condenado a sete anos de prisão pelo dieselgate Imagem: Broward County Sheriff's Office/AP Photo

Do UOL, em São Paulo (SP), com agências

08/12/2017 10h47

O ex-gerente responsável pelas inspeções ambientais dos veículos da Volkswagen nos Estados Unidos, Oliver Schmidt, foi condenado nesta semana a sete anos de prisão pela Justiça americana. Ele se tornou o segundo ex-executivo da empresa a ter uma sentença definida por participação no dieselgate, escândalo de fraude nos dados de emissões em motores a diesel.

Sean Cox, juiz responsável pela condenação, descreveu Schmidt como "conspirador-chave" na fraude. "Estou certo, com base no bom senso, de que você enxergou esse encobrimento como uma oportunidade para brilhar, a fim de subir na escada corporativa da Volkswagen", afirmou o juiz na decisão. "Seu objetivo era impressionar as chefias superiores."

Veja mais

Vazou: todos os lançamentos da VW no Brasil até 2020
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram oficial de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

Mais Carros