Testes e lançamentos

Volvo XC40 quer pescar clientes de Honda, Toyota e Hyundai a R$ 169.950

Leonardo Felix

Do UOL, em Barcelona (Espanha)

29/11/2017 10h20

Ser espaçoso, luxuoso e mais discreto que SUVs alemães são trunfos para atrair este tipo de cliente

A Volvo realiza nesta semana o primeiro test-drive global do XC40, primeiro SUV compacto da história da marca. Dez veículos de imprensa brasileiros, incluindo UOL Carros, estão presentes. Trata-se de uma das maiores equipes de jornalistas, o que indica a importância que nosso mercado tem para este modelo específico.

Segundo executivos, o Brasil estará entre os cinco países que mais comprarão o XC40. Se as expectativas são altas, é preciso ter preço condizente. No caso do pequeno utilitário a etiqueta inicial, já confirmada, será R$ 169.950.

Ok, está longe de ser um "precinho camarada", mas se levarmos em conta que se trata de um modelo importado (da Bélgica) concorrendo com Audi Q3 (envelhecido, mas partindo de R$ 150.990), Mercedes-Benz GLA (R$ 158.900) e BMW X1 (R$ 184.950), todos nacionais e que orbitam pela mesma faixa de valores, a briga pode ser boa.

Veja mais

UOL Carros no Youtube: assista e se inscreva
Instagram de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter
Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Tudo se inicia em 2018

Pré-venda começará em janeiro, com chegada efetiva às concessionárias até a primeira quinzena de abril. Com o XC40 a Volvo espera, já em 2018, aumentar em 50% as vendas no Brasil, para cerca de 6 mil unidades/ano.

Para isso, aposta muito na versão mais básica (chamado internamente de T4), esta de quase R$ 170 mil, equipada com motor 2.0 turbo a gasolina de 190 cv, tração dianteira e câmbio automático de oito marchas.

Outras versões com propulsão mais potente (T5, também 2.0 turbo, mas de 254 cv), tração integral e diferentes acabamentos serão oferecidas a quem quiser (e puder) pagar um pouco mais caro, aproximando o modelo da faixa inicial do XC60 (passando de R$ 200 mil).

É pequeno?

Quem vai comprar um XC40? Representantes da Volvo no Brasil afirmam que o grande objetivo será atrair consumidores que ainda não entraram no chamado "mercado premium", em especial donos dos carros de passeio mais caros de Honda, Toyota e Hyundai, que ainda não se sentiram atraídos pelos rivais de Mercedes, BMW e Audi.

Para isso a marca sueca diz ter o mesmo trunfo visto com XC60 e XC90: passar sensação de status com discrição, sem a "ostentação" provocada pelas alemãs. Conseguir se comunicar com esse público é o grande desafio.

De fábrica o XC40 promete trazer tecnologias já vistas nos SUVs maiores: assistências semi-autônomas de condução, central multimídia responsiva e sensível a gestos de 8 polegadas, quadro de instrumentos 100% digital e habitáculo bastante refinado.

Além disso, há a boa dimensão: apesar de classificado como "compacto", o XC40 tem o mesmo entre-eixos de um Toyota Corolla, 2,70 metros, espaço superior à de todos seus concorrentes oferecidos no Brasil. Para conhecer mais do XC40 confira o álbum

Viagem a convite da Volvo Cars

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Testes e lançamentos

Topo